A última e única casa de Marilyn Monroe, localizada em Brentwood, foi recentemente declarada um marco histórico e cultural pela cidade de Los Angeles. Após uma votação unânime no Conselho da Cidade em 26 de junho, a residência foi preservada, apesar das tentativas dos atuais proprietários de demoli-la para expandir sua própria casa.

“Temos a oportunidade de fazer algo hoje que deveria ter sido feito há 60 anos. Não há outra pessoa ou lugar na cidade de Los Angeles tão icônico quanto Marilyn Monroe e sua casa em Brentwood”, afirmou a vereadora Traci Park.

Monroe viveu na casa por cerca de seis meses antes de sua trágica morte em 1962. A decisão de preservação é um marco para a história e um tributo ao legado de uma das maiores estrelas de Hollywood.

';return t.replace("ID",e)+a}function lazyLoadYoutubeIframe(){var e=document.createElement("iframe"),t="ID?autoplay=1";t+=0===this.dataset.query.length?'':'&'+this.dataset.query;e.setAttribute("src",t.replace("ID",this.dataset.src)),e.setAttribute("frameborder","0"),e.setAttribute("allowfullscreen","1"),e.setAttribute("allow", "accelerometer; autoplay; encrypted-media; gyroscope; picture-in-picture"),this.parentNode.replaceChild(e,this)}document.addEventListener("DOMContentLoaded",function(){var e,t,a=document.getElementsByClassName("rll-youtube-player");for(t=0;t