O mercado de SSDs evoluiu a passos largos na última década e está cada vez mais competitivo. Prova disso é o Lexar E6P, novo dispositivo da marca chinesa que combina portabilidade, design robusto e especificações de ponta.

Trazendo um corpo de metal compacto, para ser carregado no bolso, o E6P chega para competir com modelos que oferecem suporte para múltiplos dispositivos e portabilidade. Mas, afinal, vale a pena comprar um SSD portátil? Esse tipo de dispositivo é pra mim?

A seguir, confira nossa análise do Lexar E6P de 1 TB, onde testamos o poder do dispositivo e tentamos responder se compensa ter um dispositivo de armazenamento potente, mas que cabe no bolso.

Unboxing e especificações

Assim como a maioria dos SSDs modernos, o Lexar E6P vem em uma caixa compacta de papel que inclui o produto, manual e cabos de conexão. Aqui, vale o destaque para o conteúdo incluso, que é bem completo.

LexarO SSD vem com uma capa emborrachada e dois cabos de conexão na caixa.

Além de o modelo ter uma construção de metal que parece aguentar pancadas, o produto conta com uma capa externa de silicone e uma corda, caso você queira prendê-lo em algum lugar. A fabricante também caprichou nos cabos, oferecendo um modelo USB-C e outro USB-A na caixa, garantindo ampla compatibilidade.

Em relação aos detalhes técnicos, o SSD da Lexar traz 1 TB de armazenamento com velocidades de até 1050 MB/s, com os dados sendo transportados por uma porta USB-C 3.2 Gen 2. Na caixa, a fabricante também indica que o produto sai da caixa pronto para uso no Mac e no Windows, sem fornecer mais detalhes sobre o dispositivo.

CrystalDiskNo software CrystalDiskInfo, o Lexar E6P aparece listado como o NM610 Pro de 1 TB.

Ao conectar o produto no computador, o SSD aparece listado no software CrystalDiskInfo como Lexar SSD NM610 Pro de 1 TB, modelo no padrão NVMe 1.4 que segue o formato M.2 2280 e custa R$ 362 em promoçaõ no AliExpress.. Ao que tudo indica, o E6P usa uma versão modificada deste modelo usando o Lexar E6, que é a capa externa com USB-C que normalmente custa cerca de R$ 93 na China.

Ou seja, você basicamente pode montar o seu Lexar E6P comprando as peças separadamente no AliExpress. No entanto, a empresa oferece a experiência “completa” e pronta para uso, com duas opções de cabo, em um novo produto.

Testes

E como é a performance do Lexar E6P. Para testar o alcance do SSD, utilizamos o benchmark CrystalDiskMark 8 em dois cenários diferentes: pico de performance e uso do dia a dia.

Lexar E6PTeste de pico de performance do SSD mostra que o modelo alcança 1000 MB/s

O teste de desempenho máximo mostra quanto o SSD entrega em sua performance máxima, e o modelo cumpre o que promete. Nos testes realizados com a conexão USB-C, o produto entregou leitura de 1054 MB/s e escrita de 1003 MB/s.

No benchmark de uso no dia a dia, como esperado, a performance acabou variando. Tanto a leitura quanto a escrita ficaram na casa dos 870 MB/s neste padrão de teste.

SSDTeste de performance real mostra as variações na velocidade do dispositivo durante o uso, mantendo números acima dos 800 MB/s.

E como esses números se traduzir para a vida real? As transferências de arquivos do SSD são bem ágeis, como esperado de um dispositivo capaz de cruzar a linha dos 1000 MB/s.

Um arquivo de vídeo de 600 MB, por exemplo, pode ser transferido de um PC com SSD para o Lexar E6P em apenas seis segundos. Aliado a portabilidade e o armazenamento de 1 TB, a velocidade faz do produto uma pedida interessante para quem trabalha com multimídia.

O modelo também se saiu bem ao rodar games diretamente de seu armazenamento. Eu testei a nova coletânea de Kingdom Hearts para a Steam no PC diretamente do Lexar E6P e não tive engasgos ou problemas de carregamento. É importante ressaltar, inclusive, que a Square Enix não é um exemplo de empresa que capricha nos ports de computador, e mesmo assim não tive engasgos ao rodar os títulos da franquia no armazenamento externo.

Design e usabilidade

Quando o assunto é visual, o Lexar E6P pode ser definido em duas palavras: portabilidade e comodidade. O modelo possui um corpo reforçado e que vem com uma capa de borracha, garantindo certa resistência em eventuais quedas. Além da conexão USB-C, o dispositivo também possui um LED discreto para mostrar que o dispositivo está em funcionamento, sem criar “muito alarde” na iluminação.

Mesmo sendo maior que outros produtos do segmento, o SSD externo é bem compacto e fácil de ser carregado no bolso, oferecendo uma experiência compacta e com certas proteções contra quedas. Para quem viaja bastante ou trabalha em áreas externas, o dispositivo pode ser uma pedida interessante devido a esses fatores.

SSDLexar E6P ao lado do SSD Kingston XS1000 (esquerda) e de um HD de 1 TB da Seagate.

A presença de dois cabos inclusos na embalagem também garante que o usuário conseguirá utilizar o produto assim que sair da caixa em qualquer dispositivo. O produto já vem pronto para uso no PC, Mac, celulares Android e consoles, como o PS5 e Xbox Series S e X.

Por aqui, testei o modelo no PlayStation 5 e Xbox Series X como dispositivo de mídia, mas o produto também pode ser configurado como armazenamento externo estendido. Nesse caso, o SSD pode ser usado para rodar jogos de antiga geração nos novos produtos, trazendo mais velocidade nas telas de carregamento.

Software

Por fim, vale destacar que o Lexar E6P também conta com um software de encriptação incluso. Chamado de Lexar DataShield, o programa está presente no armazenamento interno do produto, junto com os manuais em PDF.

O uso do Lexar DataShield é descrito pela empresa como uma solução simples para criar pastas seguras em SSDs. Ao abrir o programa, que é compatível com Mac e Windows, o usuário define uma senha para acessar o software.

LexarO software Lexar DataShield permite criar pastas seguras no SSD.

Em seguida, basta abrir o programa e criar pastas que serão protegidas pela palavra-passe. O DataShield permite gerenciar os diretórios e adicionar arquivos nos locais facilmente, seja copiando e colando ou na base do  “arrastar e soltar.”

O uso do programa é totalmente opcional e pode ser descartado por quem vai utilizar o produto somente para jogos, por exemplo. Por outro lado, a ferramenta acaba fazendo mais sentido para quem trabalha com arquivos confidenciais ou mídias que precisam ser protegidas. 

Vale a pena?

A experiência que tive usando o Lexar E6P foi bastante similar ao uso do Kingston XS1000, que possui tamanho menor, mas vem com apenas um cabo na caixa. O novo modelo da Lexar promete até 1000 MB/s e uma construção compacta e fácil de carregar no bolso, o que acaba sendo entregue.

No entanto, o produto ainda não possui um preço oficial no Brasil, o que pode ser um fator decisivo na hora da compra. Como a empresa oferece os componentes separadamente para “montar um E6P” via AliExpress, usuários mais experientes podem optar por fazer uma versão caseira do produto caso o preço da edição pronta esteja muito alto.

Modelos como o já mencionado Kingston XS1000 também aparecem no e-commerce brasileiro por valores que já ficam na casa dos R$ 600 na versão de 1 TB. Com isso em mente, caso o modelo chegue com um valor que ultrapasse essa marca, vale a pena pesar se o design mais robusto realmente fará a diferença em sua rotina.

Por outro lado, caso o Lexar E6P chegue ao país com um preço interessante, vale a pena deixá-lo no radar de compras, principalmente se você viaja bastante ou precisa de um SSD rápido e que cabe no bolso.



Source link