A Samsung entrou com uma ação judicial contra a Oura, empresa que desenvolve anéis inteligentes, para evitar ser processada primeiro. A sul-coreana teme ser acusada de violar patentes da finlandesa com o lançamento do Galaxy Ring.

De acordo com informações do site The Verge, a dona dos dispositivos Galaxy alega que a Oura se aproveita de seu portfólio de patentes para processar empresas indiscriminadamente.

Os executivos da Samsung perceberam que assim que anunciaram o Galaxy Ring, a Oura começou a demonstrar a força de seu catálogo de propriedade intelectual. A Oura chegou a publicar “as mais de 150 patentes” que possui.

Galaxy Ring, o anel inteligente da Samsung, será lançado ainda em 2024. (Imagem: Samsung/Divulgação)Galaxy Ring, o anel inteligente da Samsung, será lançado ainda em 2024. (Imagem: Samsung/Divulgação)Fonte:  Samsung/Divulgação 

Em outra ocasião, o CEO da empresa, Tom Hale, deu a entender em entrevista à CBNC, que poderia utilizar seu portfólio de patentes contra a Samsung.

A sul-coreana ainda citou que a Oura já processou concorrentes menores, como a Ultrahuman, a Circular e a Ringconn, assim que elas entraram no mercado americano, ou até antes.

A Oura é a nova Apple?

Há muitos anos, a Apple acusou a Samsung de infringir suas patentes. Em 2018, ela foi condenada a pagar uma multa milionária por copiar o design do iPhone, incluindo o formato retangular, as bordas arredondadas e a barra de ícones coloridos enfileirados na tela.

Na época, a Samsung chamou a Apple de “troll de patentes”, que significa registrar patentes falsas que não deveriam ser concedidas por utilizarem tecnologias e métodos óbvios, que eram compartilhados por todo o setor. Agora, a Samsung está prevendo uma abordagem semelhante da Oura, e resolveu se antecipar, acionando a justiça dos Estados Unidos antes da concorrente.

A Oura é especializada em anéis inteligentes e possui um grande acervo de patentes relacionadas a esses dispositivos. (Imagem: Oura/Divulgação)A Oura é especializada em anéis inteligentes e possui um grande acervo de patentes relacionadas a esses dispositivos. (Imagem: Oura/Divulgação)Fonte:  Oura/Divulgação 

Isso, em teoria, pode evitar que o lançamento do Galaxy Ring seja prejudicado até que a justiça americana dê a martelada final. Segundo dados do processo, a Samsung deve iniciar a produção em massa do Galaxy Ring este mês. O dispositivo deve ser lançado em agosto deste ano.



Source link