Exibido na noite do último domingo (30 de junho) pela HBO, o terceiro capítulo da segunda temporada de A Casa do Dragão trouxe uma conquista um pouco anticlimática. Após viajar sozinho para o grande castelo de Harrenhal, Daemon Targaryen (Matt Smith) descobre que não vai precisar lutar para conquistá-lo.

Após derrotar um guarda, o personagem chega a um salão no qual o atual comandante do castelo está jantando tranquilamente. Confrontado, ele cede o controle do local e jura lealdade à princesa Rhaenyra (Emma D’Arcy), afirmando que nunca foi realmente leal à coroa instalada em Porto Real.

Apesar de essa conquista ter sido aparentemente fácil, ela é bastante significativa e vai trazer várias consequências para o futuro da série. No entanto, quem não acompanhou Game of Thrones ou os livros de George R.R. Martin pode ter ficado um pouco perdido sobre qual é a importância de Harrenhal e sua história.

Qual é a importância de Harrenhal?

Localizada nas Terras Fluviais, Harrenhal é um castelo localizado na parte central de Westeros, logo ao norte do grande lago conhecido como o Olho de Deus. Ele é conhecido por ser a maior fortificação de toda a história dos Sete Reinos, e sua posição estratégica faz com que ele seja muito desejado por quem deseja controlar o continente.

Daemon não teve grandes dificuldades em dominar HarrenhalDaemon não teve grandes dificuldades em dominar HarrenhalFonte:  Divulgação/HBO 

Segundo os livros de Martin, o local tem cinco torres massivas e corredores tão largos que ele seria mais adequado para gigantes do que para pessoas normais. Ele também tem um estabulo com espaço para abrigar mil cavalos, cozinhas gigantescas e lugares suficientes para abrigar exércitos massivos em seu interior.

Harrenhal foi construído sobre locais sagrados de povos antigos por Harren “o Negro” Hoare, o último Rei de Ferro que reinava sobre as Ilhas de Ferro e as Terras Fluviais. Conhecido como um homem violento e vaidoso, ele decidiu honrar a si próprio construindo o maior castelo da história, em um projeto que sugou os recursos de seus domínios por três gerações.

Todos os líderes de Harrenhal acabam tendo alguma morte trágicaTodos os líderes de Harrenhal acabam tendo alguma morte trágicaFonte:  Divulgação/Rene Aigner/Gelo e Fogo Wiki 

Construído em boa parte com trabalho escravo de pessoas capturadas, o local ficou pronto na mesma época em que Aegon, o Conquistador, iniciou suas viagens pelo continente. Quando ele chegou à região, os lordes que respondiam a Harren viraram de lado e apoiaram o invasor, que tinha poderosos dragões a seu lado.

Apesar de Aegon estar disposto a deixar Harren vivo e com o controle de suas terras, ele se recusou a responder a um novo senhor. Com isso, Harrenhal acabou sendo o túmulo de seu idealizador, que foi morto junto com os seus herdeiros quando o dragão Balerion usou suas chamas para queimar o lugar.

Uma grande maldição

Após a morte do último senhor da casa Hoare, as Ilhas de Ferro passaram para o controle dos Greyjoys, enquanto o castelo ficou na mão dos Qoherys. No entanto, a casa não ficaria muito tempo no local, já que a morte de Gargon Qoherys pouco tempo depois fez com que sua linhagem chegasse ao fim.

Logo em seguida, os Harroway ocuparam Harrenhal, mas tiveram um destino semelhante. Convencida por sua amante Tyanna de Pentos, o então senhor de Westeros, Maegor I (um herdeiro de Aegon I que usurpou o trono), decidiu matar Lucas Harroway e toda a sua família, sob o pretexto de que eles estavam agindo de maneira infiel ao reino.

Logo depois, Maegor I estabeleceu um torneio para escolher um sucessor para o castelo, do qual Ser Walton Towers se sagrou o vencedor, somente para morrer pouco depois como consequência de vários machucados. Na época em que A Casa dos Dragões se passa, os Strong são os ocupantes do castelo, mas também não vão durar muito tempo.

Pouco antes de Daemon ocupar a construção, o Lorde Lyonel Strong e seu herdeiro, Harwin, morreram como consequência de um incêndio suspeito provocado pelo segundo nome na linha sucessória da casa. Esses eventos, somados a uma série de situações futuras, tornaram Harrenhal um lugar famoso por ser amaldiçoado e que nunca fica muito tempo sob o controle de uma pessoa — e todos os seus donos sofrem mortes trágicas.

Mesmo destruído, o castelo continua sendo bastante imponenteMesmo destruído, o castelo continua sendo bastante imponenteFonte:  Divulgação/HBO 

Na série da HBO, o grande castelo vai ser palco para uma grande batalha entre os lados da família Targaryen representando os Verdes e os Pretos. E, na melhor tradição dos livros de George R.R. Martin, são grandes as chances de que tudo termine em uma tragédia na qual ninguém é realmente um vencedor.

Já em Game of Thrones, a maldição se manteve e o lorde de Harrenhal continua sendo passageiro. Na série, ele passou pelas mãos de Amory Loch, Tywin Lannister, Roose Bolton e Peter Baelish, e nenhum deles teve um final muito feliz. Já nos livros que deram base à série, ainda não está certo qual será o destino do castelo, mas parece que ele vai continuar atraindo tragédias a seus moradores.



Source link