Uma equipe internacional de pesquisadores liderada pelo Instituto Nacional de Tecnologia da Informação e Comunicação do Japão (NCIT) estabeleceu um novo recorde de velocidade de internet. Durante testes realizados no primeiro semestre, o grupo alcançou a velocidade de conexão de 402 terabits por segundo (Tbps).

O número supera os recordes anteriores de 321 Tbps e 226 Tbps, registrados em 2023 e 2022, respectivamente. E para chegar a ele, os especialistas criaram um sistema de transmissão óptica capaz de explorar faixas de comprimento de onda não usadas até então, conforme revelou a entidade no último dia 26.

Avanços alcançados no experimento em relação aos recordes de velocidade de conexão anteriores.Avanços alcançados no experimento em relação aos recordes de velocidade de conexão anteriores.Fonte:  NCIT/Divulgação 

A técnica também incluiu a utilização de amplificadores de sinal de última geração e equalizadores de ganho, permitindo atingir uma largura de banda total de 37,6 THz, o equivalente a 100 mil vezes a largura suportada pelo Wi-Fi 7. No experimento feito em laboratório, foi usada uma rede de fibra óptica de 50 km.

Segundo o NCIT, esse tipo de tecnologia pode ajudar a atender à demanda cada vez maior por dados dos serviços de comunicação que exigem altíssimas velocidades de conexão. Além disso, possibilita melhorar as taxas de transmissão das redes de fibra óptica já existentes, aumentando a vida útil delas.

Downloads em milissegundos

Apesar dos avanços, a velocidade de conexão de 402 Tbps ainda é algo distante das redes domésticas. Os altos custos para o fornecimento do serviço e a incompatibilidade com equipamentos atuais, capazes de suportar no máximo 10 Gbps, são alguns dos fatores que dificultam a disponibilidade para usuários comuns.

O método de transmissão desenvolvido no Japão também exige mais pesquisas e recursos antes de começar a ser disponibilizado comercialmente, o que pode atrasar a oferta para o público em geral. Mas se a tecnologia estivesse disponível hoje, permitiria realizar downloads de jogos e filmes em milissegundos.

Caso a nova velocidade de internet recorde estivesse disponível agora, seria possível baixar, de uma vez, toda a coleção Fallout 4, Red Dead Redemption 2 e Baldur’s Gate 3 em menos de um décimo de segundo, como destaca a PC Gamer. Você também conseguiria transferir todo o catálogo da Netflix em segundos.



Source link