A rapper Nicki Minaj pediu desculpas aos fãs em Manchester, na Inglaterra, por adiar um show marcado na cidade para sábado à noite, depois que imagens postadas em uma de suas contas nas redes sociais pareciam mostrar ela sendo presa pelas autoridades holandesas por porte de drogas.

O Instagram ao vivo vídeocapturado por CNN e compartilhado de forma mais ampla, não está mais disponível na conta de Minaj. Parece mostrar Minaj, que se apresentou na quinta-feira em Amsterdã, sendo direcionada em direção a uma van por policiais.

“Você está presa”, diz um dos policiais no vídeo, informando a Minaj que ela será levada para a delegacia. Quando Minaj pergunta por quê, ele responde: “porque você está carregando drogas”.

O vídeo mostra Minaj negando a acusação e solicitando repetidamente um advogado antes de finalmente entrar na van. Outro vídeo postado em sua conta do Instagram parece mostrar um homem dizendo a Minaj que sua bagagem precisará ser revistada.

Nem a Polícia Holandesa nem a Royal Dutch Marechaussee, um ramo das forças armadas holandesas, responderam a perguntas sobre potenciais acusações contra Minaj quando contactadas por telefone na noite de domingo.

Desde então, Minaj foi lançada e continua a Pink Friday 2 World Tour, de acordo com postagens e vídeos compartilhados por a conta do passeio.

No sábado, a arena Co-op Live em Manchester disse em uma afirmação que o show de Minaj agendado para aquela noite foi adiado. “Apesar dos melhores esforços de Nicki para explorar todos os caminhos possíveis para fazer o show desta noite acontecer, os eventos de hoje tornaram isso impossível”, disse o local. “Estamos profundamente decepcionados com a inconveniência que isso causou.”

“Por favor, por favor, aceite minhas mais profundas e sinceras desculpas. Eles com certeza sabiam exatamente como me machucar hoje, mas isso também passará”, disse Minaj, observando que marcaria a data da apresentação em junho ou julho.

No domingo, outro vídeo postado em X mostrou Minaj se encontrando com fãs gritando do lado de fora de seu hotel em Manchester. A filmagem mostra dois homens tentando repetidamente silenciar a multidão, alertando que se eles não se acalmassem ela entraria.

“Posso dizer honestamente que te amo”, disse ela.

Nina Siegal contribuiu com reportagens de Amsterdã.