Se você é fã de filmes brasileiros, temos ótimas notícias para lhe dar. Nesta quarta-feira, 19 de junho, a Netflix, um dos maiores serviços de streaming disponíveis no mercado, disponibilizará, de uma vez só, 18 longas-metragens nacionais em seu catálogo. Os lançamentos fazem parte das comemorações ao Dia Nacional do Cinema, que também acontece amanhã (19).

A lista de novidades conta com filmes de ficção e documentários nacionais renomados, que prometem deixar os espectadores vidrados e repletos de ótimas opções para assistir na plataforma. Os títulos presentes na minuciosa seleção contemplam diferentes gêneros e também décadas do cinema brasileiro, passando por clássicos de 1950 e 1960, até produções de 1990 e dos anos 2000.

O maior destaque entre os lançamentos é Central do Brasil, projeto lançado em 1998, dirigido por Walter Salles e estrelado por Fernanda Montenegro e Vinícius de Oliveira. O filme dramático marcou época, ganhando vários prêmios internacionais e chegando ao Oscar de 1999, sendo considerado, até hoje, um dos melhores filmes já feitos em território nacional. Mas a lista não para por aí.

Central do Brasil é um dos filmes mais prestigiados e premiados da história do cinema brasileiro e poderá ser assistido na Netflix.Central do Brasil é um dos filmes mais prestigiados e premiados da história do cinema brasileiro e poderá ser assistido na Netflix.Fonte:  Sony Pictures 

Vale citar também a presença do documentário Mamonas Pra Sempre, de 2009, que conta a história em detalhes da icônica banda Mamonas Assassinas, desde o início do grupo até seu trágico fim em 1996 por conta de um acidente aéreo. Rio, 40 Graus, de Nelson Pereira dos Santos, por outro lado, é um dos clássicos filmes brasileiros que também estará na Netflix nesta quarta-feira (19).

Filmes brasileiros chegando na Netflix

Abaixo, veja a lista completa de filmes e documentários brasileiros que serão lançados no catálogo da Netflix nesta semana!

  1. Central do Brasil (Walter Salles, 1998)
  2. Mamonas Pra Sempre (Cláudio Kahns, 2009)
  3. A Luz do Tom (Nelson Pereira dos Santos, 2013)
  4. Filhos de João: O Admirável Mundo Novo Baiano (Henrique Dantas, 2011)
  5. São Paulo S/A (Luís Sérgio Person, 1965)
  6. Rio, 40 Graus (Nelson Pereira dos Santos, 1955)
  7. Vidas Secas (Nelson Pereira dos Santos, 1963)
  8. Jogo de Cena (Eduardo Coutinho, 2007)
  9. Terra Estrangeira (Daniela Thomas e Walter Salles, 1995)
  10. Mutum (Sandra Kogut, 2007)
  11. Santo Forte (Eduardo Coutinho, 1999)
  12. Entreatos (João Moreira Salles, 2004)
  13. Uma Noite em 67 (Renato Terra e Ricardo Calil, 2010)
  14. A Ostra e o Vento (Walter Lima Jr., 1997)
  15. As Canções (Eduardo Coutinho, 2011)
  16. Últimas Conversas (Eduardo Coutinho, 2014)
  17. No Intenso Agora (João Moreira Salles, 2007)
  18. Pacarrete (Allan Deberton, 2019)

Neste cenário, vale lembrar que a Netflix conta com uma categoria específica dentro de seu catálogo de filmes chamada “brasileiros”. Portanto, para encontrar todos os títulos nacionais (tanto os já presentes no streaming quanto aqueles que estão prestes a ser lançados) dentro da vermelhinha, é só acessar a aba em questão e navegar.

E você, como pretende comemorar o Dia Nacional do Cinema?



Source link