O estilo minimalista nasceu na década de 60, junto à necessidade de criar soluções de design que pudessem imprimir um toque forte e pragmático nos espaços.

Minimalismo significa “remoção do supérfluo”, deixando de fora detalhes para libertar os ambientes e dar vazão à luz.

Poucos e bons móveis, muito espaço, praticidade e funcionalidade. Cada vez mais em alta a decoração minimalista vem conquistando adeptos em todo o mundo.

A decoração é baseada na sobriedade. Elementos puramente decorativos são quase ausentes nesse tipo de móveis.

Adotar um modo de vida minimalista pode não ser fácil, principalmente para quem adora acumular bugigangas.

Mas se você está decidido a desapegar de algumas coisas e viver com o essencial, fazendo as escolhas certas do que é mais importante para você e para o seu estilo de vida, vale a pena começar a adotar o minimalismo na decoração.

Dentro de casa, uma estética limpa e organizada pode transmitir sensações de tranquilidade, foco e disposição. Por isso, para adotar este estilo de decoração na sua casa, comece por eliminar peças desnecessárias e invista na simplicidade das peças e acessórios.


Debora Lousa / @deboralousa