Durante o processo de desenvolvimento de um game, é comum que as produtoras disponibilizem demos para medir a aceitação do público. Entretanto, em muitos casos os estúdios fazem diversas mudanças nesse material antes do lançamento oficial.

Neste artigo, vamos falar de alguns jogos que sofreram várias mudanças que afastaram muito (ou parcialmente) as suas demos das versões finais. E desde já, esteja avisado: em alguns casos o resultado foi surpreendente, enquanto a surpresa não foi das melhores em outros.

Confira!

6. BioShock Infinite

BioShock Infinite trazia uma interação bem diferente da dupla de protagonistas. (Fonte: The Gamer/Reprodução)BioShock Infinite trazia uma interação bem diferente da dupla de protagonistas. (Fonte: The Gamer/Reprodução)Fonte: Xbox/Divulgação 

BioShock Infinite ainda é lembrado até hoje como um bom game pela comunidade. Muito disso se deve à interação entre o protagonista Booker DeWitt e Elizabeth, algo que teria sido muito maior se os planos originais fossem mantidos.

Na demonstração exibida durante a E3 2011, Elizabeth tinha uma participação muito mais ativa na ação, abrindo fendas e ajudando DeWitt em combate. Porém, na versão final ela se tornou praticamente uma donzela que precisa ser salva, limitando muito mais a sua participação.

Além disso, o game daria bem mais liberdade no uso do Sky-Line para viajar pelas ilhas flutuantes de Columbia. Entretanto, o time de desenvolvimento preferiu manter o recurso ativo apenas em áreas específicas.

5. Watch Dogs

Aqui há um jogo que muito repercutiu quando foi apresentado, já que a Ubisoft alardeou que Watch Dogs ditaria um novo padrão para a indústria. E, de fato, isso possivelmente teria acontecido se o jogo não sofresse várias modificações.

A mais sentida pelo público, sem dúvidas, foi na parte gráfica. Quando apresentado na E3 2012, Watch Dogs era um game de cair o queixo — mas o cenário mudou no lançamento. Além disso, diversos efeitos foram perdidos no processo, o que causou desapontamento em muitas pessoas.

4. Mother 3

Aqui temos um título que sofreu alterações variadas durante o seu processo de desenvolvimento. A princípio, Mother 3 seria um game para Super Nintendo, mas a Casa de Mario mudou de ideia e decidiu usá-lo para provar o poder do 64DD — o driver de CD que seria lançado para o Nintendo 64.

Mesmo com o abandono do periférico, o game teria uma versão pensada para o Nintendo 64, que inclusive foi exibida durante a Space World 99. No entanto, o time abriu mão dos gráficos tridimensionais e acabou levando o game para o Game Boy Advance, com um estilo relativamente próximo ao de EarthBound.

A versão para Game Boy Advance ainda preservou dois personagens da demo: o caubói Flint, pai de Lucas e Claus, e o cachorro Boney, que ajuda ativamente nos combates.

3. Team Fortress 2

Team Fortress 2 se tornou um sucesso absoluto com o público, e ainda é um dos games mais populares da Valve mesmo 17 anos após o seu lançamento. Muito disso se deve ao visual cartunesco e sua jogabilidade, mas por pouco o que teríamos a chance de ver seria totalmente diferente.

Em sua revelação na E3 1999, Team Fortress 2 tinha um aspecto totalmente diferente. Intitulado Team Fortress 2: Brotherhood of Arms, ele adotaria um aspecto mais realista totalmente focado em ações militares em áreas urbanas.

Se a proposta daria certo só o tempo poderia dizer, mas convenhamos: ainda bem que a Valve decidiu mudar tudo.

2. Metal Gear Solid 2: Sons of Liberty

Hora de falar um pouco sobre Hideo Kojima e uma de suas maiores obras: Metal Gear. Trazendo à conversa especificamente Metal Gear Solid 2: Sons of Liberty, este é um caso de game que teve uma “mudança” ao compararmos a versão final e sua demonstração.

A demo de Sons of Liberty estava presente em Zone of the Enders. Nela, os jogadores puderam controlar Solid Snake e seu parceiro Otacon no primeiro estágio do game. Isso fez muitos pensarem que essa versão de Snake seria controlada até o fim da aventura, mas não foi exatamente o que aconteceu.

Na versão final, Solid Snake é controlado apenas no início da aventura, sendo substituído depois por Raiden. Ok, devemos concordar que a jogabilidade e a experiência Metal Gear ainda estavam no pacote, mas a troca de protagonista pegou muitas pessoas de surpresa.

1. Chrono Trigger

Aqui há uma chance de termos pegado você de surpresa. Muitos talvez não saibam, mas Chrono Trigger teve uma demo lançada no Japão e com alguns aspectos bem diferentes do que chegou na versão final.

Quem teve a chance de colocar as mãos nessa demonstração notou a inclusão de alguns elementos exploráveis. Apesar de não serem acessíveis, eles mostram que o game teve bastante conteúdo cortado da versão final.

Porém, a cereja do bolo está em algo que provavelmente não seria perdoado por muitas pessoas se fosse mantido na versão final. Vamos deixar que seus ouvidos trabalhem inicialmente, e para isso basta pular para 01:03:00 no vídeo abaixo e ouvir o tema que será executado.

Percebeu o que aconteceu aqui em cima? Por um momento, a Square possivelmente pensou em fazer com que o tema de Frog ficasse com o Robo. Se isso teria tirado o impacto da música? Só o tempo, mais uma vez, poderia dizer.

E você, lembra de outros jogos que mudaram bastante de suas demos para as versões finais? Compartilhe com os demais leitores do Voxel utilizando as nossas redes sociais.



Source link