O governo dos EUA recomendou a flexibilização das restrições federais ao medicamento que existem há décadas.