Após ter supostamente cancelado um novo game da franquia Tony Hawk’s Pro Skater no início da semana, a Activision se envolveu em outra polêmica na última terça-feira (07). Segundo o Tribunal Distrital de Delaware, Estados Unidos, a gigante norte-americana teria violado duas patentes de outra empresa e agora está sujeita a pagar uma multa milionária.

Segundo as informações do Law.com, a incubadora de tecnologia Acceleration Bay está processando a Activision, em US$ 23,4 milhões, por violar duas patentes da empresa relacionadas à tecnologia de rede e transmissão.

Os jurados responderam duas perguntas para chegar a um veredicto no pleito. Uma delas questionava se a Aceleration Bay teria provado, por evidências, a infração da Activison — enquanto a segunda discutia sobre um valor “justo e razoável” para compensar a empresa pela dor de cabeça.

Com a resposta em mãos, o júri decidiu que a Activision deve à Acceleration Bay US$ 18 milhões por violação de direitos autorais de World of Warcraft e US$ 5,4 milhões por outra violação em dois jogos da franquia Call of Duty.

A Activision deve à Acceleration Bay US$ 5,4 milhões por violação de direitos em dois jogos da franquia Call of Duty e US$ 18 milhões por outra em World of Warcraft.A Activision deve à Acceleration Bay US$ 5,4 milhões por violação de direitos em dois jogos da franquia Call of Duty e US$ 18 milhões por outra em World of Warcraft.Fonte:  Activision 

Embora o caso contra a Activision tenha sido decidido a favor da Aceleration Bay, vale lembrar que a empresa também já entrou com ações semelhantes por outras violações de patentes contra a Electronic Arts, Take-Two e Amazon Web Services.

Activision deve recorrer à decisão do júri

Em comunicado enviado ao Insider Gaming, a Activision não se mostrou muito feliz com a situação, afirmando que a empresa nunca usou as tecnologias patenteadas em questão nos jogos da casa. Com isso, a gigante norte-americana deve recorrer à decisão do júri.

“Embora estejamos desapontados, acreditamos que há uma base sólida para o recurso”, disse o porta-voz da Activision. “Nunca usamos as tecnologias patenteadas em questão em nossos jogos”.

Antes do processo, um porta-voz considerou as reivindicações infundadas devido ao tempo das patentes. “Essas são afirmações infundadas. A tecnologia em questão foi inventada há quase 25 anos. Nunca o usamos em nossos jogos — nem usaríamos”, concluiu o porta-voz.

O você acha do veredito da Activision ter que pagar a multa milionária para a Aceleration Bay? Comente sua opinião nas redes sociais do Voxel!



Source link