Sebrae
My Partner
sensus
Census
Lytron

Frei Luciano, escritor, palestrante, gestor da fraternidade – missões humanitárias internacionais, ministra palestra em Miami

No dia 4 de janeiro, Miami recebeu uma das mais prestigiadas equipes globais de servidores humanitários, a Fraternidade – Missões Humanitárias Internacionais (FMHI), que tem como gestor-geral o brasileiro Frei Luciano. Com mais de 35 anos de experiência no serviço social e humanitário, Frei Luciano veio ao sul da Flórida para ministrar a palestra “Caminhos para a Transformação”, no dia 4 de Janeiro às 18h00 no Hilton Blue Lagoon. Um verdadeiro processo de evolução humana tem como base a transformação de cada um, do ponto que esteja para seu próximo passo.

Frei Luciano dedicou sua vida, experiência e conhecimento ao desenvolvimento de serviços e atividades, incluindo palestras públicas em benefício do despertar da consciência humana e dos valores interiores.

Como instrutor e escritor, Frei Luciano desempenha um papel importante na transmissão do conhecimento a todos os membros das Comunidades Luz através das suas palestras públicas, livros e conferências gravadas. As reflexões e conhecimentos transmitidos combinam elementos da filosofia com uma espiritualidade aplicada à vida diária, em meio a uma situação mundial de contradição que todos estamos experimentando.

Membro do conselho permanente da Fraternidade – Federação Humanitária Internacional (FFHI) que supervisiona suas vinte e cinco filiadas globalmente. seu site é freiluciano.org.

Frei Luciano é ator-chave de ligação entre atores humanitários, governos locais, o setor privado, construindo e inspirando parcerias para implementar soluções duradouras e dignas para as populações migrantes e comunidades locais.

Em 2020 e 2021, respectivamente, foi nomeado ponto focal das Normas Humanitárias Esfera e da Rede Interinstitucional para a Educação em Situações de Emergência (INEE) no Brasil e em Portugal, bem como reconhecido como ONGD pelo Instituto Camões em Portugal, e em 2022 convidado a compor o conselho da Associação Esfera em Genebra.

Frei Luciano proferiu mais de mil palestras, dentro e fora da Comunidade Luz de Figueira, a nível nacional e internacional; é autor de dois livros. Confira a entrevista que Frei Luciano concedeu à revista Linha Aberta, onde compartilha sobre sua visita a Miami e o trabalho da FMHI.

LINHA ABERTA: Qual o propósito da sua visita aos EUA?

FREI LUCIANO: Realizar palestras públicas com temas ligados ao despertar da consciência humana e nossa relação com a atual situação mundial, bem como participação de reuniões e eventos ligados ao ambiente do que chamamos de respostas humanitárias.

LINHA ABERTA: Como o senhor poderia resumir o trabalho assistencial realizado pela Fraternidade?

FREI LUCIANO: A Fraternidade – Missões Humanitárias Internacionais desenvolve respostas e intervenções em diferentes fases de uma situação de emergência e respostas humanitárias. Desde a gestão, governança e construção de sinergias entre os atores governamentais, agências locais e internacionais, passando por capacitações em protocolos internacionais dentro desse contexto. Atuamos em educação em situações de emergência, incluindo as normas INEE e a educação voltada para a superação do trauma. Nessa etapa das crises mundiais, o que chamamos de segurança alimentar recebe da Fraternidade Missões possibilidades de desenvolver projetos e iniciativas na produção de alimentos baseadas em princípios de agroecologia e nas etapas de beneficiamento e otimização de colheitas, através da desidratação e combinações de grãos, leguminosas, vegetais e frutas, tornando-se não apenas uma forma de melhor aproveitamento de colheitas mas também como um meio de vida através de eventual comercialização de produtos artesanais.

LINHA ABERTA: Em que países vocês têm atuação? O trabalho é destinado a pessoas de todas as línguas?

FREI LUCIANO”Atuamos no Brasil, Argentina, Colômbia, Uruguai, Portugal, Grécia, Polônia e Angola. Podemos atender prioritariamente nos cenários de idioma português, espanhol e inglês.

LINHA ABERTA: Quais os planos da Fraternidade para 2023?

FREI LUCIANO: Em Portugal projetos de capacitação junto ao meio acadêmico numa parceria com a Escola Superior de Educação Paula Frassinetti, no Porto. Ainda em Portugal um desenvolvimento de experiências de composições distintas de frutas e sopas desidratadas, além de outros produtos artesanais como base para nossa atuação junto à populações locais e vulneráveis em diferentes contextos.

Na Grécia igualmente projetos de capacitação no contexto de educação voltada à superação do trauma.

Em Angola um projeto importante de desenvolvimento da Obra de Caridade da Criança Santa Isabel, em Luanda, com atividade de educação, segurança alimentar e capacitação em ofícios para jovens.

Na Polônia atuaremos junto a orfanatos e asilos, junto a organizações locais, para fortalecer suas atuação, agregando expertise e experiência da Fraternidade – Missões (FMHI) de anos de atuação nessas atividades.

Na América do Sul aprofundar nossa atuação nos países mencionados acima com desenvolvimento na agroecologia, capacitação da sociedade civil nos cenários de crises humanitárias.

Share

Related posts