sensus
My Partner
Lytron
Sebrae
Census

Cataratas do Iguaçu, uma aventura inesquecível

De Eduardo Prugner
@eduardoprugner

Foz do Iguaçu, é um local encantador, uma região cheia de lendas e aventuras. O cenário principal é a Cataratas do Iguaçu. Os argentinos se orgulham de ter a parte maior das Cataratas. O que não podemos negar, porém a poesia e as histórias são dignas dos personagens brasileiros.

A primeira vez que fui à Foz tive, o que se pode dizer muita sorte, pois o comandante daquele imenso Boeing sobrevoou as Cataratas fazendo um giro sobre elas. Realmente a visão foi de tirar o folego e guardar na memória aquele espetáculo. Anos depois sobrevoei as Cataratas de helicóptero. Hoje é possível fazer este passeio – não sei mais a que custo, mas pode preparar a carteira.

O Parque Nacional do Iguaçu tem controle de tráfego e só ônibus autorizados podem entrar nele. Para ingressar com seu próprio veículo, você terá que conseguir uma autorização especial. E há uma razão para tal, pois quatis e saracuras atravessam a rodovia de um lado para outro, a todo instante.

Mas a melhor visão é através dos enormes janelões dos ônibus, exclusivos do Parque, de onde pode-se apreciar toda a beleza da Natureza do trajeto da Rodovia das Cataratas, o que chamaria de espetáculos de uma natureza viva. A fauna é rica e se deixa abrilhantar com a verdejante mata nativa.

Há algumas paradas, rápidas, e ao fim do trajeto, às margens do grande rio, bem próximo ao rio, antes das quedas podemos ver as águas do rio Iguaçu ganhando velocidade, desviando de pedras, sob um estrondo de águas e vê-las correndo para o abismo criado, segundo a lenda de “Naipi”.

A grande passarela construída a beira de uma das quedas do complexo Iguaçu transporta-nos a uma aventura de tirar o folego. Dali se tem a visão do tamanho daquele local. E andar sobre ela, mesmo sabendo da sua segurança, nos causa calafrios. E a nuvem de água que ela provoca, nos dá um banho – que na realidade é um renovar da alma.

Quer mais aventura?

Próximo as Cataratas, pelo rio Iguaçu, há um porto, onde lanchas especiais, nos levam bem próxima às quedas d’água. A visão que se tem é panorâmica, tendo a nossa frente todas as quedas, como também a principal que é majestosa e sentimo-nos pequenos ante aquele universo de águas.

Mesmo sendo lanchas especiais e a maioria delas com dois motores de popa para vencer a correnteza, um “frio” percorre nosso corpo devido a forte correnteza.

Mesmo vestindo capas especiais que são disponibilizadas antes de entrar nos barcos, com certeza ainda sairá molhado, diria batizado, pelas águas do Iguaçu.

Pode continuar as aventuras pela noite adentro. Talvez comer uma parrilha no lado argentino, acompanhado de um bom vinho. Ou ficar do lado brasileiro, onde encontrará os mais variados cardápios.

Depois de um belíssimo jantar, ainda pode arriscar a sorte no cassino argentino, bem próximo à fronteira, mas cuidado para não perder a carteira.

Até a próxima!

Share

Related posts