My Partner
sensus
Census
Lytron
Sebrae

60 anos da morte de Marilyn Monroe

Há 60 anos, no dia 5 de agosto de 1962, Marilyn Monroe era encontrada morta em sua casa, nos Estados Unidos, ao lado de frascos vazios de barbitúricos. Segundo o laudo médico, ela morreu no dia anterior, 4 de agosto.

A imagem da atriz, nascida em junho de 1926, ficou congelada no tempo, imortalizada em fotografias e filmes feitos no auge de sua beleza e sensualidade, nas décadas de 50 e 60 do século 20. 

A atriz se tornou uma estrela de Hollywood e participou de grandes clássicos do cinema, como Quanto Mais Quente Melhor (1959), Os Homens Preferem as Loiras (1953), Torrente de Paixão (1953), entre outros. Sua vida pessoal foi muito comentada na mídia pelos seus três casamentos, a luta contra os vícios e pelo suposto caso com o ex-presidente dos Estados Unidos John F. Kennedy

Norma Jean Baker Mortenson, nome verdadeiro da atriz de Hollywood, foi encontrada sem vida aos 36 anos na cama da sua casa em Los Angeles na manhã de 5 de agosto de 1962, supostamente por uma overdose de medicamentos. 

Marilyn Monroe morreu mas não sai das telas e da mídia. Filmes, documentários e revelações sobre aspectos pouco conhecidos de sua biografia alimentam o mito para as novas gerações.

O próximo da lista é Blonde (Loura), da Netflix, com Anna de Armas no papel da protagonista. Quando saiu o trailer, houve críticas ao sotaque da atriz cubana, mas o espólio de Monroe divulgou uma nota dizendo aprovar a interpretação.  O filme chega à Netflix no dia 23 de setembro. 

Qual filme dela é seu favorito?

#marilynmonroe #s #marilyn #oldhollywood   #monroe60anos #marilynmonroefans  #normajeane

1

Picture 1 of 5

Share

Related posts