O sucesso da dupla Israel e Rodolffo com “Batom de Cereja”

ISRAEL E RODOLFFO – CRÉDITO: FLANEY GONZALLES

Texto de ALETHÉA MANTOVANI
@aletheamantovani

OS CANTORES BRASILEIROS COMEMORAM O SUCESSO MUNDIAL DA MÚSICA, APÓS A PARTICIPAÇÃO DE RODOLFFO NO REALITY BIG BROTHER BRASIL E ANUNCIAM TURNÊ PELOS ESTADOS UNIDOS

A dupla sertaneja Israel e Rodolffo está comemorando o estrondoso sucesso que a música “Batom de Cere­ja”, interpretada por eles e lançada em fevereiro de 2021, vem fazendo não só no Brasil, como em diversas partes do mundo. A música, que atingiu o primeiro lugar no Spotify brasileiro e o top 30 no Spotify global, “explodiu” mesmo enquanto o integrante Rodolffo Matthaus, 32 anos, participava do reality show Big Brother Brasil 21 e abriu a festa, na qual foi o líder, com a canção. E daí em diante foi só sucesso, pois o hit passou a ser o mais tocado no Brasil e também em outros países.

Segundo a dupla, a participação de Rodolffo no reality show da TV Globo foi de fato um dos grandes impulsionadores para o mega sucesso da canção, pois a visibilidade do programa é muito grande e fez com que ela ficasse conhecida rapidamente em diversos lugares.

Matthaus afirma que ficou admirado ao saber que “Batom de Cereja” era uma das melodias mais reproduzidas do mundo naquele momento. “Foi uma surpresa gigante quando eu saí do programa e descobri que ela era a música mais tocada do país e do mundo, que figurava na lista da Billboard e havia ultrapassado os 220 milhões de views no YouTube” – conta.

Já Israel Ribeiro, 32 anos, destaca que a entrada de Rodolffo no Big Brother Brasil foi planejada minuciosamente e que tudo foi avaliado para que a carreira da dupla não fosse prejudicada. “Nós tivemos a oportunidade de colocar os prós e os contras na balança e concluímos que só tínhamos a ganhar, desde que o Rodolffo focasse mais na carreira do que no jogo. Dessa forma, estaríamos preservando a nossa imagem profissional” – afirma.

E vem novidade por aí aos fãs da dupla que estão nos Estados Unidos! Eles já anunciaram que farão a “Tour Batom de Cereja USA” pelo país, em outubro deste ano, na qual levarão além da famosa música, outras que já estão em des­taque como “Só de Sacanagem” e a recém lançada “Faz Amor Comigo Só Hoje”, em pareceria com Wesley Safadão. Os shows devem acontecer nas cidades de Fort Lauderdale, Atlanta, Orlando, Danbury, Newark e Boston.

Acompanhe a entrevista que Israel e Rodolffo concederam à Linha Aberta Magazine.

O CANTOR ISRAEL – CRÉDITO: FLANEY GONZALLEZ

1 – LINHA ABERTA – Como foi o início da du­pla e que idade vocês tinham?

ISRAEL E RODOLFFO – O início da nossa car­reira aconteceu em 1997, quando os nossos pais se conheceram em um estúdio em Goiânia por conta do trabalho. Eles descobriram, num

bate-papo, que além de gostar de cantar, ambos tinham filhos da mesma idade, 7 anos, e que também cantavam. Daí, surgiu o interesse de ambos em promover o nosso encontro, que tão logo veio a acontecer, bem como a formação e o surgimento da dupla Israel e Rodolffo.

2 – LINHA ABERTA – Como vocês estão lidando com o grande sucesso da música “Batom de Cereja”? Vocês esperavam tamanha reper­cussão?

RODOLFFO – Quando eu entrei na casa, eu espe­rava que a repercussão fosse grande e que isso esbarrasse em nosso trabalho. Tudo foi plane­jado estrategicamente para a música ser lançada na semana inicial do programa. Apesar de gostar muito da canção, ela não era a faixa foco do pro­jeto, então eu não imaginava tanta repercussão assim. Foi uma surpresa gigante quando eu saí do programa e descobri que ela era a música mais tocada do país e do mundo, que figurava na lista da Billboard e havia ultrapassado os 220 milhões de views no YouTube. E que os seus números estavam crescendo a cada dia.

ISRAEL – Nós temos um escritório extrema­mente preparado, equipado e qualificado para gerenciar a nossa carreira artística, a Noix Music, ao lado de Marcos e Belutti, Lucas Lucco e outros artistas. Então, nós confiamos a nossa carreira nas mãos deles e o resultado está aí. Nós estamos muito felizes e agradecidos por tudo!

3 – LINHA ABERTA – Vocês acreditam que a visibilidade do Rodolffo no Big Brother Brasil ajudou a emplacar a música é torná-la um grande sucesso tanto no Brasil quanto no mundo?

ISRAEL E RODOLFFO – Nós não temos dúvida disso. A visibilidade do Rodolffo tornou evidente não só a força da música, mas também a dupla, por todo o empenho e trajetória ao longo dos 26 anos de carreira.

4 – LINHA ABERTA – Como foi a experiência de participar do Big Brother Brasil? Era o que você imaginava?

RODOLFFO – Sim, era o que eu imaginava. Eu só não esperava descobrir em mim tamanha força para suportar tanta pressão. De fora parece mais suave. Lidar com tantas diferenças sem ter como filtrar, assim como é possível fazer aqui de fora, é um teste pra cardíaco (risos). Além, é claro, 19 JUNHO 2021 dos grandes ensinamentos que eu tive. Mas foi muito, muito bom!

5 – LINHA ABERTA – Ficou algum mal-en­tendido entre você e um dos participantes do BBB? Com qual deles você tem mais contato?

RODOLFFO – Mal-entendido da minha parte é zero. Agora, a questão da afinidade é outro papo. Assim como dentro do programa, aqui fora o Caio é a pessoa com quem eu mais tenho falado e que acredito na amizade. Do Arthur, da Juliette e do Projota eu também estou mais próximo.

6 – LINHA ABERTA – Você ficou preocupado que alguma situação do reality pudesse repercutir negativamente na carreira de vocês?

ISRAEL – Antes do Rodolffo entrar no pro­grama, nós tivemos a oportunidade de colocar os prós e os contras na balança e concluímos que só tínhamos a ganhar desde que, para isso, o Rodolffo focasse mais na carreira do que no jogo. Nós tínhamos a convicção de que tal comportamento foge ao perfil do pro­grama. Porém, somente dessa forma, estaría­mos preservando a nossa imagem profission­al. E assim foi feito. O Rodolffo foi ele mesmo o tempo todo, sem fazer tipo, mostrou quem ele é, o que fazia e se sobressaiu. Entrou grande e saiu gigante.

7 – LINHA ABERTA – O público e a mídia já inventaram diversos romances seus dentro do programa e já criaram torcida de casal. Você teve receio de se envolver com alguém dentro do reality? Isso poderia te compro­meter no jogo e também em relação à sua carreira?

RODOLFFO – Eu sempre fui muito bem re­solvido sentimentalmente e não participei do programa com o intuito de formar casal, nem que fosse pelo jogo. Eu nunca gostei de fazer tipo ou pegar garupa em alguma situação. Se tivesse pintado algo interessante que, por ven­tura, viesse a me tocar e eu sentisse reciproci­dade, eu abraçaria. Mas, não rolou.

8- LINHA ABERTA – Você teve medo de enfrentar algum tipo de cancelamento dos seus fãs por alguma situação vivida no programa? Se sim, qual foi esse momento?

RODOLFFO – Na vida eu sempre procuro me adaptar às adversidades, entendendo que a minha evolução só será possível se eu estiver aberto ao diálogo. Partindo desse princípio, não há por que temer o julgamento.

O CANTOR RODOLFFO – CRÉDITO: FLANEY GONZALLEZ

ISRAEL E RODOLFFO – CRÉDITO: FLANEY GONZALLES

9- LINHA ABERTA – Qual foi o mo­mento mais difícil que você viveu no Big Brother Brasil?

RODOLFFO – O momento mais difícil foi quando eu fui surpreendido ao saber que alguns atos praticados por mim, mesmo que sem maldade ou malícia, magoaram alguém. Isso me entristeceu muito, era uma sensa­ção horrível e que me deixava sem reação. O BBB foi uma escola de três meses que valeu para toda a vida. Por mais que eu tenha vivido momentos difíceis, eles foram necessários. E eu sou grato por todos eles.

10- LINHA ABERTA – Qual a expec­tativa de vocês em relação à turnê que farão nos Estados Unidos em outubro?

ISRAEL – Essa é a segunda turnê internacional que faremos em nossa carreira, mas a ansiedade parece que está maior do que antes (risos). Nós estamos morrendo de saudade de cantar com o calor do público e não vemos a hora de poder subir no palco e ouvir todo mundo cantando e interagindo com a gente.

RODOLFFO – A ansiedade está a mil! Da primeira vez, nós fomos extrema­mente bem recebidos nos Estados Unidos e a experiência foi incrível! Em outubro, esperamos encontrar a galera animada de novo e aguardan­do o nosso show. Ainda mais agora com essa visibilidade proporcionada pelo programa. Eu nem sei se a gente lembra mais como é se apresentar (risos), mas tudo o que estamos

preparando para levar à “Tour Batom de Cereja USA” será incrível. Espera­mos todo mundo com a gente, hein? As datas e locais dos nossos shows na América são: 15/10 – Fort Lauderdale (Flórida) / 16/10 – Atlanta (Georgia) / 17/10 – Orlando (Flórida) / 22/10 – Danbury (Connecticut) / 23/10 – Newark (New Jersey) e 24/10 – Boston (Massachusetts).

11 – LINHA ABERTA – Quais são os próximos projetos da dupla?

ISRAEL E RODOLFFO – Nós aca­bamos de lançar o segundo volume do DVD “Aqui e Agora”, no qual gra­vamos uma música com Wesley Safa­dão, a “Faz Amor Comigo Só Hoje”, e que está em todas as plataformas. E, conforme anunciamos, faremos em outubro a turnê nos Estados Unidos. https://tourbatomdecerejausa.com/

Share

Related posts