Census
My Partner
Lytron

O consumo de melancia reduz o nível de colesterol no sangue e fortalece o coração

O consumo de melancia reduz o coletesterol no sangue e fortalece o coração

 

Pesquisadores do Reino Unido descobriram que a melancia é um poderoso aliado do coração. Ao estudar o suco da fruta e sua adição a dietas de baixa caloria, os médicos perceberam que o consumo regular de melancia é bom para o controle do peso e, portanto, reduzir o índice de gordura corporal e de colesterol no sangue, fortalecendo o coração. O médico-chefe da equipe de pesquisadores, Sibu Saha, adverte, porém, que os resultados são válidos apenas quando o consumo de melancia faz parte de uma dieta rica em frutas e vegetais frescos.

Em laboratório, cobaias alimentadas com uma dieta de alto teor de gordura, à qual era acrescido o consumo de uma bebida feita à base de melancia, mostram que a bebida reduzia o teor total de gordura do organismo, se os índices fossem comparados aos obtidos pelo grupo que consumiu a mesma dieta gordurosa, mas bebeu apenas água. Isto levou os pesquisadores a investigar os mecanismos pelos quais a melancia conseguia reduzir a quantidade de gordura do corpo e a formação de placas nas artérias. As artérias daqueles que consumiram melancia também exibiam lesões de aterosclerose – aquelas que se colam à parede das artérias, fazendo com que ela fique espessa por causa de materiais graxos, tais como o colesterol.

A pesquisa britânica confirmou o resultado de um estudo de 2010, feito na Florida State University. Os americanos mostraram que a melancia tem substâncias que reduzem o nível de gordura no sangue. Quando consumida por pacientes pré-hipertensos, produziu melhoria significativa nos marcadores de pressão.

– Este estudo da Florida serviu de alerta sobre os poder da fruta e por isto decidimos estudar as substâncias presentes na melancia – disse Saha.

O médico britânico disse ainda que melões também são benéficos para baixar a pressão arterial.

A melancia tem sido alvo de estudo porque é cheia de um aminoácido chamado citrulina. E o melão verde também contém este aminoácido, ainda que em quantidades menores. O médico garante que os resultados do estudo são encorajadores, a ponto de expandir a base de dados para uma análise mais detalhada dos vários tipos de melões.

– A melancia foi a fruta que obteve melhores resultados para a massa magra do corpo nesta pesquisa, mas ainda vamos repetir as experiências com vários tipos de melões. Entre eles, há um tipo muito promissor, o "melão amargo", fruta que cresce na Ásia, América do Sul, África Oriental e do Caribe.

Para o pesquisador, é o tipo que mais favorece a limpeza de gordura do organismo.

Share

Related posts