Lytron
cultureholidays
My Partner

Nossos filhos e o Coronavírus – Manual de sobrevivência

Texto patricia bernardon
@patricia.bernardon

Neste mês, obviamente a atenção esta 100% voltada ao coronavírus e suas implicações. Filhos, hábitos, trabalho, tudo virando de ponta cabeça… Con­tudo neste momento a principal preo­cupação é com a saúde. Novas regras e hábitos precisam ser incorporados na vida das crianças, por isso colocar-los a par do que está acontecendo no mundo é o primeiro passo.

Lavar as mãos de forma correta, não to­car no corrimão das escadas, botão do elevador, maçaneta da porta… coisas tão essenciais que neste momento ofe­recem o maior risco de contaminação.

Mesmo ao ar livre os parques estão fe­chados, evitando assim a aglomeração de pessoas. Sair pra andar de bicicleta, praticar algum esporte no quintal estão sendo as atividades menos arriscadas.

Ficar em casa é o melhor que podemos fazer, exercitar a paciência com as crianças que tem energia de sobra e agora precisam conciliar a rotina es­colar que passou a ser dentro de casa. Por meio da plataforma digital Zoom as crianças tem uma carga horária a cumprir, tarefas, aulas de educação física, espanhol.

Se você vive em uma casa é tudo muito mais fácil, patio, piscina, tudo ajuda na hora de distrair as crianças, porém em um apartamento onde o espaço é limi­tado as atividades também se limitam e aí a criatividade deve falar mais alto. Cada idade exige uma rotina diferente. Exercitar a paciência todo o tempo, mater o otimismo e tentar uma versão romântica do momento critico.

Pouco a pouco a ficha vai caindo e vamos nos acostumando com a nova realidade que ainda deve perdurar por algum tempo. O momento é de repensar, valores, gastos desnecessá­rios, desperdício, comportamento em relação ao outro, solidariedade… olhar para dentro de si, tentar aprender e evoluir, e o mais importante não fazer desse momento de tensão, viver o hoje da melhor forma possível, afinal é o único que temos, já que amanhã tudo pode ser diferente.

Share

Related posts