Lytron
My Partner
cultureholidays

A Versatilidade do Chef de Cozinha – Carlos Bertolazzi

A versatilidade do famoso chef de cozinha Carlos Bertolazzi é uma das caraterísticas mais marcante do brasileiro de 49 anos e que o diferencia dos demais profissionais. Além de chef renomado, ele é também um apresentador de sucesso na TV e um em­presário bem sucedido em todos os negócios que se propõe a fazer. Simpático e mui­to bem humorado, ele conta à Linha Aberta Magazine um pouco da sua trajetória de vida, das preferências como chef e da nova fase a dois que está vivendo. Atualmente, Bertolazzi comanda o reality “Fábrica de Casamentos”, pelo SBT, ao lado da jornalista Cris Flores e de especialistas como Lucas Anderi, Beca Milano, Robson Jassa, Junior Mendes e outros. O programa é um dos campeões de audiência da emissora e terá a sua quarta temporada em 2020. Além do “Fábrica”, ele estreou recentemente outra atração na mesma emissora, porém na afiliada de Santa Catarina, o programa “Receita de Família”. Como empresário e chef, Carlos demonstra as suas habilidades no bistrô italiano Zena Caffè e na rede de buffets Casa Bertolazzi, que possui diversas unidades em São Paulo. Ultimamente, ele também fez parcerias com empresas que lançaram produtos com a sua assinatura – são louças, panelas e massas de grano duro.

Carlos Bertolazzi vem de uma família que atua no mercado financeiro há alguns anos, portanto ele se direcio­nou profissionalmente para esta área e estudou administração de empresas. Durante algum tempo, trabalhou em banco e a gastronomia, nessa ocasião, era somente um hobbie. A partir de 2003, quando ele ainda estava traba­lhando como autônomo e vendendo fundos de investimento, a carreira de chef passou a ficar um pouco mais séria e ele começou a fazer alguns eventos no buffet da sua mãe Vera, o C.U.C.I.N.A.

Em 2005, Carlos resolve ir para a Itália estudar gastronomia e passa a se dedicar exclusivamente à profissão de chef. O apresentador sempre gostou de cozinhar, mas não pensava que a gastro­nomia seria a sua principal atividade ou fonte de renda. “A partir do momento que eu decidi focar o meu trabalho na gastronomia, surgiram alguns grandes incentivadores, como o Máximo Ferrari, que sempre foi muito amigo do meu pai e me apoiou bastante. Também conversei com o Mauro Maia, que assim como eu, passou de uma carreira como executivo e migrou para a cozinha. De início, estes dois amigos foram grandes inspirações para mim” – conta.

Desde que se formou na área gastronômica, o chef brasileiro buscou obter o máximo possível de experiên­cia, tanto em restaurantes brasileiros, quanto fora do país. Ele esteve na Itália, Espanha e Estados Unidos. Em 2009, abriu o Restaurante Zena Caffè, e nessa época, apareceu a oportunidade para ele apresentar um programa de televisão, o “Homens Gourmet”, pela FOX. “Eu aceitei a oportunidade para divulgar o meu restaurante. Não foi para seguir uma carreira artística na televisão!” – conta. Porém, ele gostou da experiência e surgiram outras tempora­das do programa. Depois, veio o convite do SBT para fazer o “Hell’s Kithchen” ou “Cozinha Sob Pressão”, um reality show culinário. Daí em diante ele prosseguiu na TV, sempre conciliando os seus programas com a gastronomia.

O PRATO PREFERIDO

Perguntar a um “cozinheiro de mão cheia” sobre o seu prato predileto é esperar uma resposta sobre algo requintado e elaborado com riqueza de detalhes. Porém, não foi o que aconte­ceu, pois Bertolazzi disse que a comida de sua preferência, sem dúvida alguma, é o estrogonofe. “Eu não tenho maturidade quando servem estrogonofe! Até de estro­gonofe ruim eu gosto! (risos)”- conta bem humorado. Ele gosta do prato feito de um modo bem caseiro, com ketchup, mostar­da, batata palha… sem muita frescura e preparado por ele mesmo. “Eu gosto muito da combinação do creme de leite com o tomate e a acidez da mostrada!” – diz.

Com um gosto eclético para a culi­nária, o chef brasileiro conta que conhece outras culturas por meio da comida. Ele afirma ainda que não tem uma especia­lidade típica preferida, pois aprecia a gastronomia de vários países como: Itália, Japão, Tailândia e outros. Ele cita, por exemplo, um prato da culinária tunisiana que aprecia bastante: é o brik à l’oeuf.

PREFERÊNCIAS DO CHEF

O apresentador admira muitos chefs ao redor do mundo. No Brasil, ele gosta do trabalho do Leonardo Paixão e do Alex Atala. No exterior, destaca dois chefs com quem ele trabalhou: o Enrico Crippa, na Itália, e Scott Conant, nos Estados Unidos. Com o chef americano ele adquiriu expe­riência no sofisticado restaurante italiano Alto, em Nova York. Depois, Conant mon­tou o restaurante Scarpetta, também na “Big Apple” e, posteriormente, em outras cidades como em Miami Beach, no Hotel Fontainebleau. “Eu gosto muito do modo como o Conant prepara os seus pratos, dessa ‘americanização’ que ele faz da comi­da italiana nos Estados Unidos” – afirma.

O apresentador diz ainda que aprecia a comida americana, principalmente quando tem a oportunidade de visitar os grandes chefs. “Eu admiro muito a cidade de Chicago, pois tem ótimos restaurantes! Pretendo conhecer também a culinária da região Sul dos Estados Unidos, pois tenho muita curiosidade” – comenta.

VIDA PESSOAL

A vida romântica de Bertolazzi está de vento em popa! E podemos perceber isso nitidamente pela maneira com que o chef fala sobre o seu atual relacionamento com a cirurgiã plástica Ingrid Lückmann, de 36 anos. O apresentador começou um namoro com a médica em maio deste ano e ficou noivo após dois meses. Ele, que já havia sido casado e é pai de dois meninos, estava solteiro há algum tempo e esperava por um grande amor. “Eu vinha de um momento profissional feliz, porém muito agitado durante os últimos anos, e sentia a falta de ter alguém para compartilhar tudo isso. Eu sempre observava os casais realizados do “Fábrica de Casamentos” e pensava que aquilo não aconteceria mais comigo, de encontrar alguém que eu tivesse vontade de estar junto o tempo todo!” – conta.

Ao falar sobre a noiva, o apresentador demonstra muita felicidade e satisfação, além de um entusiasmo contagiante. “A Ingrid apareceu e tem se mostrado a parceira ideal para eu compartilhar tudo. Ela está me fazendo muito feliz e apaixona­do!” – diz o chef em tom romântico.

Sobre o casamento, ele admite que pretende muito viver esta experiência com a futura esposa. “A partir do momento em que eu encontrei alguém, eu quero com­partilhar tudo, viver junto e amar! Desde que eu me separei, eu não me casei ou namorei sério, porque não havia aparecido alguém que tivesse mexido tanto comigo quanto a Ingrid. Então, eu tenho vontade de casar e tudo mais!” – comenta animado. O casamento, inclusive, já está agendado para abril de 2020.

RECEITA DO CHEF

GNOCCHI ZENA

– 4 porções

Fonduta

– 2 xícaras (chá) de queijo stracchi­no em cubos

– 1/4 de xícara de leite

– 1 colher (sopa) de manteiga sem sal; sal a gosto

Nhoque

– 2 xícaras de parmesão ralado

– 1 1⁄2 xícara de farinha de trigo

– 5 batatas Asterix

– Sal a gosto

MOLHO DE TOMATE

– 1 litro de água quente

– 1/4 de xícara de azeite de oliva

– 6 tomates-italianos maduros

– 2 dentes de alho picados

– 1 cebola média picada

– 1 folha de louro

– Sal e pimenta-do-reino a gosto

MODO DE PREPARO

Fonduta

1 – Em banho-maria, derreta a man­teiga com o leite e adicione o queijo em pedaços; espere derreter.

2 – Ajuste o sal e sirva sobre o nho­que já com o molho.

Nhoque

1- Cozinhe as batatas com casca, retire-as da panela, descasque e passe no espremedor.

2 – Espalhe em uma bandeja para es­friar e perder o máximo de umidade.

3 – Misture, aos poucos, com o quei­jo e a farinha até formar a massa.

4 – Modele e corte em cubos.

5 – Cozinhe por 2 minutos ou até boiar, retire com uma escumadeira e reserve.

MOLHO DE TOMATE

1 – Retire a pele e as sementes dos tomates e pique grosseiramente.

2 – Em uma panela grande, coloque o azeite e leve ao fogo baixo para aquecer. 3 – Quando estiver quente, junte a cebola e refogue por 2 mi­nutos, mexendo sempre, ou até que fique transparente.

4 – Acrescente o alho picado e refo­gue por mais 1 minuto, sem parar de mexer. 5 – Em seguida, coloque todo o tomate picado e misture bem.

6 – Acrescente a água quente e a folha de louro.

7 – Mexa bem e tempere com sal e pimenta-do-reino.

8 – Tampe a panela e deixe o molho cozinhar por cerca de 1 hora ao fogo médio.

9 – Mexa de vez em quando, para não grudar, e verifique a água.

10 – Adicione um pouquinho de água quente, se necessário.

11 – Desligue o fogo e verifique os temperos.

12 – Cubra os nhoques com o molho.

Share

Related posts