Lytron
My Partner
cultureholidays

Negócios nos EUA

EMPREENDEDORISMO NOS EUA: “PARA TER SUCESSO É PRECISO SABER MUITO BEM ONDE SE ESTÁ INVESTINDO”, ORIENTA ESPECIALISTA.

 

Anova configuração da relação comercial e política entre Estados Unidos e Brasil está estimulando um novo mercado, mais inclusivo e qualificado para empresários do Brasil. Analisar as especificidades das diferentes regiões dos EUA pode ser crucial para o pla­nejamento do empreendedor brasileiro, tanto para aquele já posicionado no mercado e que almeja aumentar sua exposição, quanto para aquele que pretende empreender nos EUA – mas ainda não teve uma experiência no país norte-americano. Com papel fundamental neste processo, é importante ter uma empresa que trabalha na área de implantação de empresas no exterior para auxiliar estrategicamente os empreendedores que tem interesse em abrir uma empresa nos EUA e, com auxílio capacitado, podem aumentar as chances de sucesso no empreendedorismo internacional.

“A relação comercial dos EUA e do Brasil não é mais a mesma. O empresário brasileiro que pre­tende investir precisa contar com a expertise de quem já passou pelo processo e já compreende a lógica por trás do estabelecimento de um negócio de sucesso em território americano. Até chegar na plena geração de empregos e na consolidação do negócio, existem etapas fundamentais que preci­sam ser seguidas para evitar prejuízos e naufrágio da iniciativa”, explica Manoel Suhet, CEO do Global Business Institute.

Dados do Mapa Bilateral de Investimentos Brasil-EUA, desenvolvido pela Apex-Brasil em parceria com o Brazil-U.S Business Council e a Amcham Brasil mostram que os Estados Unidos foram a segunda maior origem das importações brasileiras, totalizando US$ 25,1 bilhões em 2017. Do ponto de vista dos Estados Unidos, o Brasil foi o 12º lugar maior mercado de destino de suas ex­portações, com 2,08 % do total, e foi o 17º maior fornecedor de bens e serviços importados nos EUA em 2017, com 1,20% do total. Um mercado promissor que não deve ser ignorado por em­presários brasileiros visionários. É o que acredita Manoel Suhet, CEO do Global Business Institute.

Segundo o time de experts, o objetivo é facilitar trâmites, orientar consultivamente novos empreendedores com o objetivo de evitar pre­juízos e o naufrágio do negócio. Cada setor exige uma expertise diferenciada na hora de empre­ender nos Estados Unidos. É importante usar a expertise de consultores experientes para abrir caminhos e auxiliar na colocação de empresas, produtos e serviços no mercado americano. Para ter sucesso no exterior é preciso saber muito bem onde se está investindo. Um negócio planejado não tem como dar errado”.

Entre os serviços que precisam ser desen­volvidos podemos destacar planos de negócios, planos de trade e marketing digital, implemen­tação profissional, estratégia de marca, sourcing internacional, gestão executiva interina e pesquisa.

Share

Related posts