Lytron
My Partner
cultureholidays

Novos Investimentos Turísticos de Miami

O Greater Miami está com novidades para os turistas. Foram realizados investimentos de milhões de dólares em novas rotas de cruzei­ros, estrutura para companhias aéreas, hotéis, restaurantes, casas noturnas, atrações para a família e novo Centro de Convenções Miami Beach, recente­mente renovado por US$ 620 milhões.

Um terminal de mais de 50 mil metros quadrados no Port Miami, pro­posto pela Norwegian Cruise Line, foi aprovado pela comissão do condado de Miami-Dade. O Port Miami vai investir US$ 100 milhões para cons­truir o terminal proposto na 1015 N. American Way. Além deste terminal, a empresa também vai investir US$ 200 milhões em outro terminal, que deve abrigar o Symphony of the Seas da Royal Caribbean, o mais novo e maior navio do mundo, com capacidade de 5.494 passageiros.

O Aeroporto Internacional de Miami (MIA) está com planos de atrair novas companhias aéreas e, consequentemente, receber novas rotas internacionais. Dentre as novas rotas previstas para 2019, estão voos domésticos, operados pela American Airlines, com destino a Kansas, Memphis, Greensboro, Savannah, Lousiville, Knoxville e Greenville. Além disso, contará com voos para o Caribe, para a Europa e para a Amé­rica Latina, incluindo Fortaleza e Brasília, operado pela Gol, e Salvador, ofertado pela Latam.

A Hyatt Hotels Corporation anunciou a inauguração do Hyatt Centric Brickell Miami, situado nos primeiros 19 andares da Panorama Tower, de 83 andares. O empreen­dimento é uma joint venture composto pelo Aztec Group e pela Concord Hospitality. Já o hotel Atton Brickell Miami investiu cerca de US$ 40 mil em uma nova cobertura para a piscina e para o rooftop bar. Os passeios contam com um novo incremento. O Bri­ghttline, serviço de transporte sobre trilhos entre cidades, anunciou os primeiros trechos dentro de Miami Central, novo complexo in­termodal em Downtown Miami, conectando West Palm Beach, Fort Lauderdale e Miami.

O Centro de Convenções Miami Beach está passando pela última fase do seu pro­jeto de renovação e expansão de US$ 620 milhões, incluindo salão de 18 mil metros quadrados, espaços de convenções de 150 mil metros quadrados, 84 salas e um novo parque público de 24 mil metros quadrados. Para reafirmar o compromisso com a arte lo ­cal, foram investidos US$ 7 milhões em arte pública ao longo de todo o campus. O novo centro deve receber o primeiro evento oficial em setembro, quando sediará a convenção anual da American Health Information Ma­nagement Association (AHIMA).

Share

Related posts