Izabela Guimarães e o Projeto Real Women Real Stories Talk

Izabela Guimaraes é brasileira, residente em Miami e idealizadora da marca de acessórios nos Estados Unidos, Brillē Collection, e do seu mais recente projeto, o evento “Real Women Real Stories Talk”, que acontece no dia 15 de setembro, em Miami, para 120 mulheres. Sua missão de vida é fazer toda mulher acreditar que sua história é especial, única e importante, e pode inspirar outras mulheres ao seu redor. Nesta edição da conferência, Izabela convidou mulheres que superaram suas lutas e mulheres que decidiram abrir seus negócios focados em mulheres para inspirar mulheres com histórias reais de vida e compartilhar casos de empreendedo­ras que decidiram focar na missão do negócio para mulheres. Como uma boa mineira, Izabela ama ouvir um bom “causo”, estar rodeada de pessoas e acredita que ninguém sonha e re­aliza sozinho. Nesta entrevista exclusiva para a Linha Aberta, ela fala sobre o projeto Real Women Real Stories Talk, que apresenta uma seleção de palestrantes que vão revolucionar a mente das mulheres presentes no evento.

LINHA ABERTA: Como surgiu a ideia do projeto Real Women Real Stories Talk?

IZABELA GUIMARÃES: O projeto “Real Women Real Stories TALK” tem total relação com a minha missão com mulheres, que começou a ser despertada em mim através da minha marca de acessórios Brillē Collection, fundada em 2015. Quando passei a vender acessórios, percebi que as mulheres eram descontentes consigo mesmas, frustadas com algumas situações, inseguras com a sua beleza e com baixa-estima.

Muitas delas tem histórias lindas e impactantes mas não são compartilhadas e muito menos usadas a favor de algo maior, a começar ajudando uma mulher ao lado, que pode estar passando pela mesma situação. Em 2016, me interessei por histórias de mulheres citadas na Bíblia, que são muitas, mais de 52 com histórias relevantes.

A maioria delas teve pontos de conflitos e supe­ração, sendo relevantes em situações que mudaram o rumo de acontecimentos da história. Isso mostra que mesmo há milhares de anos atrás, as mulheres já superavam e se posicionavam como um agente transformador em sua comunidade.

Foi assim que este projeto foi plantado em meu coração, porém, a iniciativa de lançar-lo veio após uma depressão que tive em março de 2018 em função de vários acontecimentos negativos somados ao meu cansaço da segunda maternidade e acúmulo exagerado de tarefas como mãe, esposa e empreen­dedora.

No início, tive muita vergonha mas em junho deste ano, depois que superei, resolvi abrir isso e tive contato de muitas mulheres passando pelo mesmo que eu, que nunca imaginei. A partir deste momento, tive a confirmação e a certeza de que era mesmo a hora de lançar este projeto.

LINHA ABERTA: Qual a visão do projeto?

IZABELA GUIMARÃES: A visão do projeto é de levar ao conhecimento de mulheres de todas as idades e nacionalidades, histórias reais de mulheres que pas­saram por lutas e desafios e saíram de sua posição de vítima, tomando uma decisão acertada de fazer algo com o que viveram, seja fundando uma ONG, abrindo um negócio, se voluntariando em algum projeto ou apenas compartilhando com a mulher ao lado. Esta primeira edição conta com o apoio direto do Grupo Mães Empreendedoras Mundo e da plataforma de empoderamento feminino, o EmpowHer NY.

LINHA ABERTA: Tem um tema específico?

IZABELA GUIMARÃES: Esta primeira edição terá o tema “IDENTIDADE” e será abordado na primeira palestra do evento pela coach Bia Souza, que men­cionará pontos necessários para a mulher acreditar no seu valor pautado no redescobrimento de sua missão. Além disso, o fio condutor é o empreendedo­rismo feminino através do suporte direto do grupo de Mães Empreendedoras Mundo.

LINHA ABERTA: O programa será em English. Vai ter tradução simultânea?

IZABELA GUIMARÃES: O evento será todo em inglês em função de palestrantes americanas e um público diversificado. Não haverá tradução simultânea.

LINHA ABERTA: Quem vai estar participando como palestrantes?

IZABELA GUIMARÃES: O evento consiste em dois momentos. A primeira parte é composta por três mulheres, sendo elas:

• Ana Beatriz Souza (brasileira, coach, empreendedo­ra, falará sobre o tema identidade)

• Nadla Gerena (brasileira, empreendedora, falará sobre a sua superacão na America e como ela se encorajou a fundar uma empresa voltada para mulheres.

• Daisy Mayers (Costa Riquenha e residente na California desde 1987, sobrevivente de um incêndio com apenas 3 meses de idade e de um abandono pela mãe aos 2 anos, contará como superou e usou isso para ajudar outras mulheres em situações semelhantes).

A segunda parte do evento consiste em um Painel com 5 mulheres e uma moderadora. Estas mulheres contarão breviamente a sua história de vida e porque resolveram empreender com foco em mulheres.

• Carolina Leitão (brasileira, uma das sócias da em­presa WBM Women’s Business Maker)

• Patricia Magalhães (brasileira, fundadora de duas comunidades de suporte a brasileiras, Brazilian Brickell Kids e Maes Empreendedoras de MIAMI)

• Helyan Mohammadian (Iraniana e residente em NY) e Ingrid Silva (brasileira e residente em NY) – Fundadoras de uma das principais plataformas de empoderamento feminino dos Estados Unidos, a EmpowHer NY.

• Brittany Valdes (americana e Fundadora do Grupo We Are Boss Mom, uma incubadora criativa para mães com um propósito comum)

• Geradine Delvento (americana) – Moderadora do Painel

LINHA ABERTA: Qual a mensagem que você deixa­ria para nós, mulheres, baseada na missão de seu projeto.

IZABELA GUIMARÃES: Que todas as mulheres tem uma história de vida que é única, especial e impor­tante. Muitas delas tiveram machucados que se tor­naram cicatrizes que podem servir de testemunho para mulheres que estão na mesma situação mas se sentem sozinhas e desamparadas. Essa história de vida pode gerar frutos se a mulher acreditar nisso e se posicionar perante tudo que aconteceu em sua vida. Como mulheres, temos muito desafios diaria­mente e acumulamos funções diversas mas a nossa força e superação devem estar sempre em evidência. Acredite que sua história de vida é importante.

Share

Related posts