British Airways sofre 3º dia de interrupções por falha em sistema de computação

Além dos atrasos, passageiros se queixam da falta de informações nos balcões da companhia e da perda de bagagens.
A British Airways enfrenta nesta segunda-feira (29) o terceiro dia de interrupções em suas operações, depois que uma falha global no sistema de computadores deixou milhares de passageiros sem conseguir voar em um final de semana prolongado que se transformou em um desastre de relações públicas para a empresa.
A companhia aérea disse estar mantendo o cronograma no aeroporto de Gatwick, em Londres, nesta segunda-feira e que pretende operar todos seus voos de longa distância a partir de Heathrow, mas alguns voos de curta distância foram cancelados.
A British foi obrigada a cancelar todos os seus voos de Heathrow, o aeroporto mais movimentado da Europa, e de Gatwick no sábado (27) depois que um problema de suprimento de energia interrompeu suas operações em todo o mundo e ainda atingiu os centros de atendimento ao cliente e o site da empresa.
A interrupção persistiu no domingo (28). Alguns passageiros dormiram no chão dos terminais embrulhados em cobertores.
“As desculpas foram boas e tal, mas não bastam. A BA perdeu mais um cliente fiel #uma desgraça”, tuitou Tom Callway, que tinha um voo para Budapeste.
As ações espanholas da holding IAG, que também opera as linhas aéreas Iberia, Aer Lingus e Vueling, caíram 2,7% nesta segunda-feira em reação à pane.
Stephen Furlong, analista da consultoria Davy, disse que o custo de um dia de interrupções nas operações da British Airways é de cerca de 30 milhões de libras em receita e 4 milhões de libras de lucro operacional.
Além disso, a empresa irá ressarcir seus clientes pelos atrasos, embora tenha acrescentado que o desembolso deve ser limitado graças à retomada dos voos no domingo e na segunda.
Vários passageiros se queixaram da falta de informações dos funcionários da BA no aeroporto, e outros relataram a perda de bagagens.
A companhia aérea disse estar trabalhando para devolver as bagagens aos passageiros depois que muitos pertences foram deixados em Heathrow no final de semana, embora funcionários tenham alertado pelo Twitter que isso “pode levar algum tempo”.

Related posts