Veja 10 curiosidades sobre a Blood Moon, o Eclipse da Super Lua

  1. A “blood moon” (lua de sangue) será o resultado do alinhamento de mais de uma hora do Sol, Terra e uma lua maior e mais brilhante. Se o céu estiver claro, o fenômeno será visível de todo o continente americano.
  2. A Lua está no seu ponto mais próximo a Terra, chamado de perigeu, onde também estará mais brilhante.
  3. A super lua resultante aparecerá 30% mais brilhante e 14 vezes maior do que em seu apogeu, ponto mais distante da Terra, a 49,800 km do perigeu.
  4. Raramente a Terra ficará em posição alinhada entre a Lua e o Sol, retendo diretamente a luz solar que normalmente faz com que a lua brilhe em um amarelo esbranquiçado.
  5. Porém alguma quantidade de luz ainda consegue atravessar a Terra e ser filtrada pela atmosfera, criando uma luz avermelhada que é refratada na Lua, criando a “Super Lua”.
  6. A Lua viaja à uma posição similar todo mês, mas a virada de sua orbita significa que ela normalmente passa por cima ou por baixo da sobra terrestre, por isso a maioria dos meses possuem Lua cheia sem eclipse.
  7. O último eclipse da superlua foi há 30 anos. O próximo eclipse total não será antes de 2018. O próximo eclipse da superlua só acontecerá em 2033!
  8. Diferente do eclipse solar, que cria a impressão de um anel brilhante de luz quando a Lua passa na frente do Sol, não há qualquer perigo de olhar diretamente ao fenômeno de hoje.
  9. Pelo fato de a Lua não ser perfeitamente redonda, a sua distancia do sol varia entre 49,900 km enquanto gira em volta da Terra a cada 27 dias.
  10. No seu ponto mais próximo a lua fica há 363,104 km da Terra. No ponto mais distante a Lua fica a 406,696 km de distancia

Related posts