Pesquisadores identificam ossadas de colonizadores britânicos nos EUA

O Instituto Smithsonian identificou ossadas de britânIcos nos EUA. A pesquisa revela detalhes da vida, da morte e da importância da religião no assentamento de Jamestown, que fica a 130 quilômetros ao sul de Washington.

Os homens identificados são o reverendo Robert Hunt, o capitão Gabriel Archer, ‘sir’ Ferdinando Wainman e o capitão William West. Eles foram figuras importantes na condução dos rumos de Jamestown entre 1607 e 1610, um período em que a colônia chegou perto do fim. Apenas cerca de 30% das ossadas estavam preservadas.

Os corpos exumados foram encontrados em novembro de 2013 e se sabia que eram de pessoas de status na comunidade, já que estavam enterrados em uma igreja, a mesma onde ocorreu o casamento entre Pocahontas, filha de um líder indígena que ficou famosa com o filme da Disney, e o explorador britânico John Rolfe. Uma combinação de arqueologia, análise de esqueletos, testes químicos, tecnologia 3-D e pesquisa genealógica tornaram possível a identificação. Apenas cerca de 30% de cada esqueleto foram recuperados. A presença de certos compostos químicos confirmaram a origem britânica dos homens, enquanto evidências de um dieta alta em proteína mostraram que eles eram de classes sociais mais altas. Agora, serão feitas análises genéticas para ajudar a traçar os descendentes dos quatro homens.

Related posts