Teste para Copa simula acidente com 40 passageiros feridos em Manaus

Ação ocorreu na Ponta Negra, local que será palco da ‘Fan Fest’.
Simulado avaliou tempo de chegada das equipes e tempo de atendimento.

Simulação de acidente com 40 pessoas feridas (Foto: Camila Henriques/G1 AM)

Simulação de acidente com 40 pessoas feridas

Equipes da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) fizeram, na manhã de terça-feira (10), uma simulação de acidente de trânsito em Manaus durante a Copa do Mundo. O teste durou aproximadamente duas horas e envolveu 80 profissionais, entre médicos, enfermeiros e equipes de resgate. A ação ocorreu na Ponta Negra, Zona Oeste de Manaus, local que será palco da FIFA Fan Fest durante o mundial.

Durante o simulado, dois micro-ônibus colidiram na via, e 40 pessoas ficaram feridas. O tráfego ficou interditado no local. Segundo o secretário municipal de Saúde, Homero de Miranda Leão, a intenção era saber se os profissionais estão preparados caso algo muito grave aconteça nos dias da Copa.

A ação avaliou o tempo de chegada das equipes de socorro, o tempo de atendimento no local do acidente, além da observância dos critérios de prioridade para o atendimento às vítimas. Esse foi o sexto teste realizado na cidade antes do mundial, segundo secretário de Saúde..

Após o registro do acidente, o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado. Um chamado foi direcionado ao Centro Integrado de Comando e Controle (CICC) Regional, inaugurado na semana passada para integrar órgãos de monitoramento da cidade.

Em alguns minutos, os pacientes receberam socorro, após procedimento de triagem dos feridos. Ao todo, quatro grupos de vítimas – entre crianças e casos mais graves – foram estabelecidos para atendimento. Depois de uma hora todos os casos fictícios haviam sido resolvidos ou encaminhados a hospital. “Essa é uma prática que vai ficar para grandes eventos. Esse planejamento tem sido feito há dois anos. Esse procedimento vai ficar como legado para casos de acidente como o ocorrido entre um micro-ônibus e um caminhão dia 28 de março”, disse.

Related posts