Novo Google Maps tem rotas múltiplas e consulta de voos, hotéis e eventos

O Google lançou novos recursos solicitados por seus usuários em uma versão atualizada, ainda preview, do novo Google Maps. Agora, o serviço de localização suporta busca de rotas múltiplas para vários destinos, além de permitir a consulta de voos, hotéis e eventos no mapa.

Novo Google Maps permite cadastrar múltiplas rotas em um só caminho (Foto: Reprodução/Google)

Novo Google Maps permite cadastrar múltiplas rotas em um só caminho (Foto: Reprodução/Google)

De acordo com um post no blog oficial do Google Maps, o suporte já está disponível para todos que visitarem a página "Conheça o novo Google Maps", também em português.

O gigante das buscas reconheceu que a melhora no recurso de rotas foi muito solicitada pelos usuários do serviço e fez as mudanças. O novo "Rotas" funciona da seguinte maneira: se você estiver dirigindo do seu escritório para algum restaurante e depois para sua casa, e ainda seguir para outro destino, será possível ver e organizar tudo em uma única tela. Um novo botão “+” acrescentado na interface do serviço que permite que usuários incluam “paradas” adicionais a uma viagem e criem uma espécie de roteiro do que vão fazer no dia.

Novo botão "+" permite que usuários adicionem múltiplos destinos no Google Maps. (Foto: TechTudo / Gisele Góes)
Botão "+" permite que usuários adicionem múltiplos destinos no Google Maps

O Google também acrescentou um pouco de Google Now aos Mapas incluindo informações relevantes sobre os destinos. A partir de agora, a busca de voos, hotéis e eventos chegará acompanhada de dados relacionados aos estabelecimentos. Por exemplo, se o usuário pesquisar por um estádio de futebol, serão exibidos todos os eventos que acontecerão naquele lugar nos próximos dias para que ele possa se programar e visitar o local do evento.

A função de rotas múltiplas já está disponível e, se você ainda não teve acesso, terá em breve, promete o Google. Entretanto, a função de consulta de voos, hoteis e eventos, por enquanto, ainda está restrita à usuários de língua inglesa e que moram nos EUA. O Google não informou nenhum detalhe sobre previsão de lançamento da "agenda" para outros países.

Share

Related posts