CAPA: Chegou o Verão! E você precisa estar em forma

GIOVANA MARQUES  | contato@linhaaberta.com

Dicas sobre alimentação, dieta, beleza, cabelo, exercícios, tratamentos para o corpo e muito mais para aproveitar o verão na Flórida.

O verão chegou e com ele  os cuidados que devemos ter com a alimentação e o nosso corpo. Se você pretende curtir aquele sol, na piscina ou na praia, então é hora se cuidar. Todos querem, principalmente as mulheres, um corpo em forma durante o verão.  Por isso, se você ainda não está em forma, não perca mais tempo. Nesta reportagem, apresentamos um guia de beleza e saúde que vai colocar você em forma para o verão. Vale a pena conferir.

O primero passo é fazer exercícios. É hora de começar a se movimentar. Caminhe todos os dias da semana, comece com caminhadas de 40 minutos e não muito acelerada. O importante é que no decorrer das caminhadas você aumente as horas e alterne movimentos lentos com movimentos acelerados, por exemplo ande 10 minutos lentamente depois corra 15, e assim sucessivamente pois isso ajuda para que você perca peso mais rápido. Para quem não gosta de caminhar, o melhor é optar por outros esportes como natação, ciclismo, hidro, por isso, escolha o que mais lhe agrada porque o importante é movimentar-se.

O corpo não fica bonito somente emagrecendo, existem cuidados específicos para cada área e por isso fique atenta com a limpeza de pele, que pode ser feita em casa mesmo. Coloque um pouco de açucar com um pouco de hidratante específico para a sua pele e aplique suavemente, fazendo uma boa esfoliação. Faça isso uma vez por semana. A hidratação deve ser feita todos os dias, mesmo depois de feita a esfoliação. Nos Estados Unidos temos vários produtos de beleza que esfoliam e hidratam a pele, com preços variados. Você pode encontrar esses produtos em lojas como a Ross, TJ Max, Marshalls, Macys, Newman Marcus, e até em farmácias como Walgreens e CVS e supermercados como Publix e Win Dixie.

Com o calor o bronzeamento é inivitável, se você pretende tomar sol, primeiramente cuidado com os horários. Procure sempre tomar sol até as dez da manhã e depois das quatro da tarde. Uma dica para não ficar sofrendo muito é utilizar autobronzeadores antes de iniciar as idas ao clube para tomar sol. Lembre-se sempre que o bronzeador deve conter protetor solar, no mínimo, de 15 SPF. O ideal é em torno de 30 SPF ou 40 SPF.

Os cabelos também são importantes para dar aquele look em sua beleza e ele necessita de cuidados específicos. Procure fazer uma hidratação semanalmente com iogurte natural, banana e mel. Os cabelos do momento são os loiros e castanhos, com ondas, e de preferência, na altura dos ombros.

Os pés são os que mais sofrem nesta época do ano, então utilize esfoliantes e passe creme antes de ir dormir e sempre coloque uma meia para que a absorção do creme seja total. Para as unhas tanto do pé quanto da mão utilize óleo de amêndoas doce e esmalte fortalecedor, pois no verão elas costumam descascar.
Cuidado ao depilar-se, procure depilar três dias antes de ir ao sol, para evitar manchas entre outras coisas que podem causar aborrecimentos.

Tomando os devidos cuidados você sempre ficará bonita e elegante, o verão não irá judiar de seu corpo e ao contrário irá dar mais vida e saúde. Uma dica importante também e que é ótima para quem quer se cuidar é tomar muita, muita, muita água, pensou em colocar algo na boca tome água. É claro que alimentação deve ser feita, porém procure comer coisas leves como frutas e verduras e boa sorte, é só começar a se cuidar!

ALIMENTAÇÃO
Barriga Delineada: veja alimentos que devem entrar ou sair da dieta

Seu sonho é ter aquela barriga delineada para exibir com orgulho durante o verão? A primeira providência é fugir de dietas malucas.
Quando o objetivo é a perda de gordura localizada, é necessário investir em alimentos com diferentes propriedades. Aqueles ricos em aminoácidos essenciais e vitamina C evitam flacidez e perda de massa muscular, outros estimulam a queima de gordura, enquanto os antioxidantes previnem o envelhecimento precoce.
A seguir, algumas dicas de alimentos que você deve evitar ou incluir na dieta para ter o abdômen dos sonhos.

Inclua na rotina
– Chás diuréticos: verde, de cavalinha ou dente de leão. Todos irão diminuir o inchaço, já que favorecem a eliminação de toxinas do corpo através da urina, consequentemente levando ao emagrecimento. O chá verde ainda possui cafeína em sua composição, que acelera o metabolismo e favorece a queima de gordura. Recomendação: quatro xícaras por dia.
– Aveia: a versão em flocos é fonte de fibras e promove a sensação de saciedade por mais tempo, diminuindo os picos de insulina, hormônio anabólico que favorece o depósito de gordura no corpo. A aveia ainda é fonte de betaglucana, uma das fibras mais potentes que existem. Recomendação: duas colheres de sopa por dia.
– Chia: a semente de chia provoca saciedade rapidamente. Ela forma uma espécie de gel no estômago, preenchendo o espaço. Assim, a sensação de fome é menor. Rico em ômega-3, é um alimento anti-inflamatório, o que favorece a perda de peso. Também é desintoxicante e melhora o trânsito intestinal. Recomendação: uma colher de sopa por dia misturada em vitaminas ou sobre a salada.
– Gengibre: é um alimento considerado termogênico, rico em gingerol, que acelera o metabolismo e favorece a queima de gorduras. Durante o processo de digestão, os alimentos termogênicos exigem maior demanda de energia do organismo, estimulando o emagrecimento. Recomendação: consuma um pedaço pequeno (três vezes ao dia) em chás, sucos e vitaminas ou ainda como tempero para aves e peixes.
– Pimenta: rica em capsaicina, é considerada um alimento termogênico. Pessoas com problemas gástricos e hemorroidas devem evitar o consumo. Recomendação: algumas pitadas por dia, como tempero para diferentes pratos.
– Vinagre de maçã: é considerado termogênico e diurético. Ajuda a eliminar toxinas e inchaço, favorecendo o emagrecimento. Recomendação: utilize diariamente como tempero para saladas.

Retire já da sua dieta!
– Alimentos refinados: são praticamente isentos de vitaminas e prejudicam o trabalho do metabolismo, já que não provocam saciedade. Suas calorias são vazias e não trazem benefícios para o organismo. O ideal é escolher sempre a versão integral dos alimentos, a fim de consumir fibras e promover a saciedade. Evite: arroz, açúcar e pão branco, pão francês, macarrão que não seja integral e açúcar branco. Sempre opte na versão integral a fim de lhe fornecer fibras.
– Alimentos ricos em gorduras saturadas: não possuem propriedades benéficas para o organismo. Evite o consumo de sorvetes, biscoitos, bolos, manteiga, margarina, chocolate, entre outros. Carnes magras, como frango e peixe, são fontes de ferro e não devem ser cortados totalmente da dieta.
– Alimentos com alto índice glicêmico: são metabolizados pelo nosso corpo de forma mais rápida e quase não exigem energia para a sua digestão. São pobres em fibras e retardam a sensação da saciedade. Além disso, elevam os níveis de insulina no sangue, favorecendo o acúmulo de gorduras. Evite o consumo de bolos, sorvetes, pães brancos, batata frita, tapioca, entre outros.  
– Alimentos ricos em gorduras trans: são gorduras modificadas em laboratório. O corpo não as reconhece e elas acabam acumuladas na barriga e em outras regiões do corpo. Evite o consumo de margarina, salgadinhos, frituras, pães, massas, leite e derivados. 
– Alimentos industrializados: possuem conservantes e aditivos químicos em sua composição. Pobres em nutrientes, prejudicam a absorção de vitaminas e minerais que são fundamentais para o nosso organismo. Ainda são riquíssimos em sódio, que favorecem o inchaço e a formação da barriguinha. O Ministério da Saúde do Brasil preconiza o consumo de 2100mg de sódio por dia, mas apenas uma porção de alimentos industrializados pode conter mais de 1000mg. Evite: salgadinhos de pacote, molhos prontos, biscoitos, entre outros alimentos.

DIETA
Dieta detox: veja alimentos que limpam o organismo e emagrecem

Você tem sentido que alguma coisa rouba sua energia? Se o cansaço parece inexplicável e você é uma pessoa saudável, a culpa pode ser do excesso de toxinas presente em medicamentos, alimentos e até no cigarro.

Agrotóxicos, álcool e metais pesados, como chumbo, alumínio e mercúrio podem provocar sintomas como dores de cabeça, musculares, anemia, prisão de ventre, fadiga e quadros depressivos.

Para desintoxicar o organismo é preciso investir em alguns alimentos e deixar outros de lado – o que acaba dando uma força para quem quer perder aqueles quilinhos indesejáveis.

Você sabe como o programa detox, entre outros benefícios, ajuda na perda de peso? Sabemos que as toxinas têm afinidade pelo tecido gorduroso. Então, você pode imaginar onde elas ficam alojadas, não? No nosso tecido adiposo, fazendo com que ele se inflame cada vez mais, tornando a perda de peso cada vez mais difícil.

Para que o fígado consiga eliminar mais toxinas, ele precisa funcionar dependente de mais de 20 tipos diferentes de nutrientes. O consumo excessivo de alimentos diet/light (ou seja, alimentos industrializados cheios de componentes químicos e baixo valor nutricional) intoxicam ainda mais o organismo.

Além de se acumular no seu tecido de gordura, essas toxinas podem interferir no funcionamento da tireoide, que é responsável pelo nosso metabolismo. As toxinas também alteram nosso apetite, fazendo com que o organismo não perceba rapidamente que está saciado. Estes alimentos também podem alterar a maneira com que queimamos as calorias dos alimentos. Com isso, surge o cansaço e desaparece a disposição para a atividade física. Uma boa solução para resolver o problema é ingerir alimentos capazes de nutrir e desintoxicar.

– O processo
O processo acontece em todas as células do organismo, mas, especialmente no fígado e intestino. Para um alimento ser considerado detoxificante (ou desintoxicante), precisa melhorar as funções digestivas ou não conter nenhum agente capaz de intoxicar o organismO.

Alimentos que desintoxicam
A lista é extensa, mas alguns alimentos têm funções bem específicas:
– Abacaxi: diurético, facilita a digestão, especialmente de carnes, e desobstrui o fígado.
– Arroz integral: rico em fibras, faz o intestino funcionar melhor e favorece a eliminação de toxinas, mantendo a pele saudável.
– Maçã: suas fibras funcionam como esponja dentro das artérias, ajudando na eliminação do colesterol. Antiácida, ainda ativa o fígado e dissolve o ácido úrico, que retêm líquidos.
– Melancia: tem propriedade refrescante e diurética, ajudando a limpar o organismo. Uma ótima receita é preparar o suco de melancia com gengibre, outro poderoso desintoxicante.
– Gengibre: estimula a digestão, alivia a prisão de ventre e ativa o metabolismo. Rico em fibras, é usado como digestivo e refrescante.
– Couve: carrega doses de ferro, que ajudam na formação de hemoglobina que transporta oxigênio para os tecidos.
– Fibras: aveia, linhaça, cevada e gérmen de trigo melhoram a função intestinal, favorecendo a eliminação de toxinas.

– Fique longe deles!
Para surtir efeito, é preciso ficar longe de produtos industrializados e ricos em sal, açúcar ou gordura durante a detox. Carne vermelha, frango, manteiga, café, margarina, pães feitos com farinha de trigo e alimentos em caixinhas, latinhas e conservas dificultam a digestão e sobrecarregam o fígado.
Suco verde
Os sucos verdes são necessários para o sucesso da dieta detox. A clorofila presente em folhas e brotos estabiliza a ação dos radicais livres produzidos pelo processo de detoxificação e possui propriedades anti-câncer.

CABELO
Cinco penteados para apostar no verão

Coque com trança e rabo-de-cavalo alto são ideais para aplacar o calor.
Faça chuva ou faça sol, o verão na Flórida é quente, muito quente; e as mulheres bem sabem como as altas temperaturas podem comprometer a beleza. Por isso, selecionamos cinco penteados lindos e simples que são tendência para você arrasar na estação. E são as famosas que atestam! Veja e aproveite:

– Coque com trança
Penteado do tipo “princesa”, a trança lateral (que pode ser embutida ou solta) que termina em um coque é perfeita para os dias quentes e confere romantismo ao visual. O look é fofo, elegante e pode ser usado tanto em um programa diurno quanto na balada.
Foto: Anne Hathaway, Jessica Alba,
Whitney Port e Julia Petit.

– Ondas Naturais
Verão é sinônimo de descontração e, por isso, é tempo de abandonar um pouco o babyliss que forma cachos perfeitamente modelados nos cabelos. O bacana agora é o “beach hair”, ou seja, as ondas supernaturais de quem acabou de sair da praia.
E, se a intenção é ser despretensiosa, você não precisa se preocupar com o teimoso frizz causado pelos dias quentes. Perfeito, não é? Caso você não tenha as tais ondinhas, não se preocupe: o mesmo babyliss que modela, se usado da forma adequada, pode fazer o efeito.
Foto: Jennifer Lopez, Miley Cyrus, Drew Barrymore e Selena Gomez.

– Rabo-de-cavalo alto
Um dos penteados mais simples e fáceis de fazer ganha novos ares se posicionado no topo da cabeça. O rabo-de-cavalo alto, além de sofisticado, é versátil e deixa a mulher poderosa. Para ficar ainda mais bonito, a dica é apostar no velho truque da mecha enrolada para cobrir o elástico, fixada com grampo e spray. Fica a dica para uma festa de verão!
Foto: Kim Kardashian e Katy Perry.

– Efeito Molhado
Escolha já seu gel, mousse ou pomada, porque o efeito molhado vem com tudo no verão 2013. O penteado cheio de personalidade foi hit nas passarelas aqui e lá fora e as famosas adoram. É isso mesmo: o “boi lambeu” está em alta. Pura praticidade, já que você não vai precisar se preocupar com os fios fora do lugar.
Foto: Emma Watson, Gisele Bündchen, Megan Fox e Amanda Seyfried.

– Coque Podrinho
Pau para toda obra, o coque “podrinho” é o curinga do verão e não exige produto ou aparelho algum para ser feito: é só enrolar no próprio cabelo ou lançar mão de um elástico. Ele salva a pátria em um “bad hair day” e é a melhor opção para refrescar a nuca no calor. E ainda fica chique!
Foto: Mary-Kate Olsen e Alessandra Ambrósio.

EXERCÍCIOS
Academia: 7 erros que você não quer cometer

A academia pode ser um parque de diversões para muitas pessoas. Você costuma malhar pesado mais de 2 horas por dia? Ou acha que musculação não emagrece? Conheça atitudes e afirmações que podem comprometer o resultado dos exercícios – e até a sua saúde.

– Fazer mil abdominais por dia diminui a barriga
O excesso de exercícios localizados para o abdômen não diminui medidas. Os abdominais ajudam a dar mais estabilidade para a coluna. Os contornos da barriga também ficam mais firmes e definidos, mas a queima calórica é muito pequena. Como não é possível perder gordura apenas em um local do corpo, para ter uma barriga de tanquinho é preciso combinar exercícios abdominais, treinamento aeróbio e musculação.

– Malhar de manhã, sem comer nada, queima mais calorias
Treinar de estômago vazio não é bom, já que o organismo utilizará a massa muscular como fonte de energia, ao invés de queimar gordura. A médio e longo prazo, esse processo vai queimar cada vez menos calorias, e a pessoa passará a não emagrecer. O ideal é acordar um pouco mais cedo e tomar um café da manhã leve, cerca de uma hora e meia antes de ir para a academia. Pão integral, queijo branco, blanquet de peru e suco de frutas formam uma refeição completa, mas recomendo consultar um nutricionista, já que os objetivos e necessidades são individuais.
As pesquisas apontam mais motivos para incluir o café da manhã na rotina. Publicado na revista científica “American Journal of Epidemiology”, estudo norte-americano sugere que as pessoas que não tomam café da manhã são quatro vezes mais propensas a desenvolver obesidade do que aquelas fazem a refeição todos os dias. Os cientistas explicam que quem pula a primeira refeição do dia tende a consumir mais calorias ao longo do dia.

– Para emagrecer é preciso ficar, pelo menos, duas horas por dia na academia
A longo prazo, praticar atividades intensas (por exemplo, spinning ou corrida) por mais de 50 minutos seguidos pode até engordar. Até completar os 50 minutos de exercícios intensos, o nível de testosterona se mantém elevado, enquanto o hormônio cortisol, responsável pelo estresse, decai. A partir de 50 minutos, a taxa de cortisol aumenta muito. Vale lembrar que pesquisas recentes indicam que níveis elevados de cortisol estimulam o acúmulo de gordura, principalmente na barriga, e a perda de massa muscular.

– Não pratico musculação porque o treino queima poucas calorias
Enquanto é praticada, a musculação queima menos calorias do que os exercícios aeróbios. “A vantagem da musculação é proporcionar gasto calórico considerável quando a pessoa está em repouso. O treino mais recomendado deve incluir exercícios aeróbios, como caminhada, corrida e spinning, além da musculação.
Para quem pratica as modalidades no mesmo dia e deseja perder peso, o preparador físico orienta a começar pela musculação e então seguir para os exercícios aeróbios. A prática de duas modalidades no mesmo dia leva ao que chamamos de treinamento concorrente, quando uma atividade física interfere na outra. Para estimular a perda de peso, comece pela musculação, que demanda mais esforço e gasta mais calorias em repouso. Dessa forma, seu desempenho será melhor nas duas modalidades e o gasto calórico aumentará.

– Convivo com dores no corpo por conta da academia, mas isso significa que o treinamento está fazendo efeito
As dores são alertas do nosso corpo e não devem ser ignoradas. O personal trainer explica que a dor tardia, que não é sentida no momento que o exercício está sendo executado, pode significar um processo inflamatório. O treino deve ser desafiador, mas não pode deixar a pessoa fatigada a ponto de não conseguir executar tarefas simples, já que o corpo vai levar muito tempo para se recuperar do desgaste. O fenômeno chamado de overtraining, em que a pessoa pratica mais exercícios do que a capacidade de recuperação do próprio organismo, pode levar a problemas na coluna, joelhos, tornozelos e outras regiões do corpo.
Um check-up antes de iniciar o treino é muito bem-vindo. Se durante a prática de exercícios você sentir a respiração ofegante, falta de ar, coração disparado, suor excessivo, tontura, dor de cabeça, desmaio ou dor abdominal persistente, isso é sinal de que o organismo não está suportando a carga proposta e o treinamento precisa ser revisto pelo professor.

– Quando sinto que consigo levantar mais peso, aumento a carga dos aparelhos, mesmo sem orientação
As séries de musculação são propostas pelos professores levando em conta o nível em que o aluno se encontra. Levantar mais peso do que está previsto na série personalizada não significa que você esteja superando limites de forma saudável, já que as articulações não estão preparadas para aquela carga. Fazer agachamentos com muito peso, por exemplo, pode lesionar a lombar e os joelhos. Além disso, pode haver sobrecarga em algum músculo da região que esteja mais apto, levando a dores e lesões.
– Malhar 3 vezes pode semana por 30 minutos é suficiente para perder peso
Essa frequência de exercícios é indicada para evitar problemas de saúde, mas é preciso um pouco mais de empenho para ver o ponteiro da balança se mover. Até para ser saudável é preciso dedicar-se mais. Hoje, o Colégio Americano de Medicina do Esporte no Brasil, também considera que é preciso praticar 30 minutos de exercícios, 5 vezes por semana, para ter o mínimo de saúde e qualidade de vida. Para perder peso seria ideal comprometer-se a praticar 1 hora de exercícios físicos, 5 vezes por semana.

Frequentar academia menos do que 3 vezes na semana pode ser um risco para o coração, já que recai na mesma questão dos atletas de final de semana, que se exercitam apenas aos sábados e domingos, e correm maior risco de sofrer infartos.

Se mantiver um bom condicionamento, melhorar a condição cardiorrespiratória, circulatória, muscular e fizer uma dieta, é possível jogar bola no fim de semana sem preocupações, mas frequentar academia poucas vezes na semana não trará benefícios.

TRATAMENTOS PARA O CORPO
Corpo em dia no verão: cinco tratamentos estéticos para fazer já

Se você “chutou o balde” na estação passada, é hora de eliminar os quilinhos a mais e se preparar para o verão.
Além da receita infalível que envolve dieta e exercícios físicos, os tratamentos estéticos feitos por especialistas também são aliados nessa missão. E, para te ajudar nela, selecionamos as cinco principais novidades das clínicas para combater gordura localizada, flacidez, celulite e manchas na pele. Aproveite!

– Pele lisa e sem manchas
Ninguém quer andar de biquíni por aí com a pele manchada. O laser Spectra Toning é uma boa opção para deixar a pele uniforme, já que clareia melasmas de forma significativa e pode até remover pigmentos completamente.
O tratamento – que age emitindo pulsos ultrarrápidos de alta intensidade – também é indicado para cicatrizes de acne, rugas leves e remoção de diferentes cores de tatuagem

– Para combater a celulite
O Smoothshapes é um método que dissolve a gordura das células e repara o colágeno fragilizado. Ele age sobre os fatores que determinam o surgimento da celulite. O resultado é uma pele mais firme e com aparência lisa e suave.
O tratamento combate a celulite recuperando os adipócitos (células que armazenam a gordura de reserva) e pode ser associado ao Velashape Plus, que ajuda a definir o contorno corporal. É indicado um total de oito sessões, feitas duas vezes por semana.

– Para suavizar gordura localizada
O Ultrashape é uma combinação de ultrassom e radiofrequência indicada para destruir as células de gordura. Ele atinge as três camadas de gordura e, ao mesmo tempo em que destrói as células adiposas, estica a pele, redefinindo o contorno corporal.
Pode-se observar uma redução média de até dois centímetros na circunferência corporal numa única sessão, lembrando que isto equivale à redução do tamanho de um manequim. Não causa dor ou desconforto, nem tira o paciente da sua rotina.

– Para combater flacidez
O Ulthera é capaz de atingir a derme profunda e tratar a musculatura facial, que também sofre os efeitos do tempo, perdendo o tônus e ocasionando a flacidez da pele.
O Ulthera produz um efeito lifting natural e também atua promovendo a produção de colágeno novo, mantendo a pele jovem e firme por mais tempo”.
O tratamento é indicado para pacientes com flacidez moderada no rosto, pescoço e área ao redor dos olhos. De acordo com a dermatologista, em apenas uma sessão já é possível notar excelentes resultados.

– 3 em 1: celulite, gordura localizada e flacidez
Que tal dar um “chega para lá” nas celulites, nas gorduras localizadas e na flacidez de uma vez só? É o que promete o Frezee, que utiliza uma radiofrequência de oito ponteiras combinada a pulsos magnéticos que proporcionam um maior aquecimento da área a ser tratada, sem risco de queimaduras.
Indicado para todos os tipos de celulite, a melhora é visível e os resultados podem ser vistos já nas primeiras sessões. O tratamento completo engloba oito sessões com intervalo de uma semana entre elas.

Related posts