Lytron
My Partner
cultureholidays

AOTP celebra 5 anos na Flórida

A American Organization of Teachers of Portuguese (AOTP) comemorou o Dia do Professor e o aniversário de 5 anos no Piola de Hallandale Beach, no último dia 19 de outubro. Anete Arslanian, presidente e cofundadora da AOTP, disse que a entidade representa a possibilidade de expansão e criação de programas de português na Flórida e, no futuro, em outros estados americanos. “Através desta organização, os professores de português associados tem oportunidade de aperfeiçoamento profissional bem como, de trabalho. As articulações com os distritos escolares de escolas públicas são a nossa meta e pretendemos que programas gratuitos de português sejam oferecidos nas escolas para todos (brasileiros e não brasileiros) muito em breve”, explicou.

A oferta de um programa bilíngue Português-Inglês também está no foco da AOTP. A ideia é que nosso idioma seja ensinado em países onde o Português não é língua oficial atendendo assim os brasileiros, portuguêses e todos os falantes da língua residentes nestes países, bem como todas as outras pessoas que tenham interesse em falar nosso idioma ou estabelecer negócios com países lusófonos.

Anete disse que o português ensinado para brasileiros aqui nos Estados Unidos é identificado como Português Língua de Herança e Programa Bilíngue (Dual Language). Há várias escolas americanas, escolas comunitárias e universidades espalhadas pelo país inteiro que oferecem programas para brasileiros. Uma lista concisa destas escolas e universidades, inclusive escolas com programas bilíngue, foi compilada pela AOTP e se encontra no site Brasileiros no Mundo.

AOTP tem em seus planos preparar um livro com experiências bem sucedidas dos associados e não associados com o ensino de português e lançá-lo no mercado. “O que os professores sentem falta é de atividades para sala de aula que atendam a realidade dos alunos brasileiros ou portugueses que vivem aqui nos Estados Unidos. Muitos destes alunos nunca foram alfabetizados em português. Por isso, quem trabalha com esta realidade entende que muitos livros didáticos de português do Brasil, por exemplo, não são os ideiais para nossos alunos”.

Arslanian disse que “temos um caminho longo a percorrer no que diz respeito a expansão do ensino da língua portuguesa nos Estados Unidos mas já estamos vendo alguns resultados, em especial o interesse dos Consulados Brasileiros e Embaixada do Brasil, organizações como Banco do Brasil Americas, BB Remessas, TV Globo Internacional e Focus Brazil Foundation que têm se empenhando em contribuir aos esforços da AOTP e outras entidades que trabalham em prol do ensino da Língua Portuguesa”.

 

 

 

Share

Related posts