Melhor professor da Flórida, brasileiro foi aos EUA por amor

Alexandre Lopes trabalha com um programa de inclusão para crianças com autismo em sala de aula. Em julho, foi escolhido o professor do ano no Estado da Flórida, vencendo cerca de 185 mil pessoas. Aos 43 anos, ele concorre agora na etapa nacional e, se vencer, poderá receber o prêmio das mãos do presidente Barack Obama, na Casa Branca.
Natural de Petrópolis, no Rio, o brasileiro ganhou o prêmio estadual após percorrer algumas etapas. Primeiro, concorreu na escola em que leciona, a Carol City Elementary, depois, na região central e no condado de Miami-Dade, até chegar ao Estado da Flórida. Todos os professores da rede pública do Estado concorrem ao prêmio, concedido pelo Departamento de Educação da Flórida. O resultado da fase nacional deve sair entre abril e maio de 2013.

Os prêmios do condado e do Estado são em dinheiro, mas a etapa estadual, por exemplo, foi patrocinada pela rede de lojas de departamento Macy’s, que deu ao professor US$ 10 mil, uma viagem a Nova York com três acompanhantes e um vale para fazer compras nas lojas da rede.

Related posts