Lytron
My Partner
cultureholidays

EUA irão deportar imigrantes ilegais com antecedentes criminais

Cerca de 1 milhão de imigrantes ilegais têm antecedentes criminais nos Estados Unidos e são prioridade para deportação do governo, informou o diretor da Agência de Imigração e Alfândega (ICE), John Morton.

"As estimativas variam, mas são aproximadamente 1 milhão de pessoas com antecedentes criminais sujeitas à deportação", explicou Morton em uma coletiva de imprensa.

"Há muito mais pessoas ilegais neste país do que o ICE pode deportar", disse Morton ao anunciar a maior operação da história dos Estados Unidos, que resultou na prisão de 2.901 imigrantes sem documentos.

No país, vivem aproximadamente 11 milhões de imigrantes ilegais.

"O que fazemos a partir do momento em que chegamos ao governo (na Presidência de Barack Obama) é definir uma agenda de prioridades para otimizar os limitados recursos que temos a nossa disposição", acrescentou.

"Na nossa perspectiva o melhor é começar com os criminosos", disse.

"Também expulsamos pessoas sem antecedentes", reconheceu Morton, cujo governo bateu recordes nos últimos anos com uma média de 350 mil deportações por ano.

Contudo, o diretor do ICE negou que seus agentes realizam "prisões ao acaso".

Organizações civis em defesa dos imigrantes acusam o ICE e outras agências americanas de prenderem imigrantes simplesmente porque dirigem sem licença, ou por transgressões menores, como beber em público.

Share

Related posts