Lytron
My Partner
cultureholidays

Fumaça é detectada em reator 2 da usina japonesa de Fukushima

Nuvem branca havia sido vista no reator 3, mas já foi controlada.
País está em emergência nuclear após terremoto e tsunami de 11 de março.

A Agência de Segurança Nuclear do Japão informou nesta segunda-feira (21) que foi vista fumaça também no reator 2 da usina nuclear de Fukushima, depois de ter sido detectada no reator 3 uma coluna de fumaça que já foi interrompida.

Segundo o organismo, a fumaça sai da parte posterior do edifício onde se encontra o reator 2, sem que por enquanto se tenha determinado sua origem.

Pouco antes, havia sido informado que uma fumaça cinza saía da unidade 3, uma das que causa mais preocupação aos especialistas.

O reator número 3 foi o mais afetado pelo terremoto e tsunami que devastaram o Japão no dia 11 de março. O teto do edifício foi completamente destruído por uma forte explosão na semana passada em consequência do acúmulo de hidrogênio.

Entenda a escala usada para classificar acidentes nucleares (Foto: Arte/G1)
Share

Related posts