Taxa de desemprego reduziu no Brasil

A taxa de desemprego em janeiro ficou em 6,1%, segundo informou o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Este foi o menor índice registrado no primeiro mês do ano desde 2003.

O índice de janeiro representa alta de 0,8 ponto percentual em relação a dezembro, quando foi de 5,3%, mas apresentou queda de 1,1 ponto percentual se comparada com janeiro de 2010 (7,2%).

A população desocupada nas seis capitais pesquisadas pelo IBGE foi de 1,423 milhão, representando alta de 13,7% em relação a dezembro e uma queda de 15,6% na comparação com janeiro do ano passado.

Já a população ocupada (22,08 milhões) recuou 1,6% em relação a dezembro e cresceu 2,2% se comparada a janeiro de 2010.

A região metropolitana com a maior taxa de desocupação em janeiro foi Salvador, com 10,7%. A menor foi registrada em Porto Alegre, com 4,2%.

Geração de empregos

Pouco depois da divulgação do índice de desemprego pelo IBGE, o Ministério do Trabalho e Emprego anunciou os novos dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged). Os números apontam a criação de152.091 novas vagas em janeiro de 2011 – alta de 0,42% em relação a dezembro.

De acordo com o ministério, o mês passado registrou o segundo melhor número da série histórica iniciada em 1992, perdendo apenas para janeiro de 2010, quando foram criadas mais de 184 mil vagas.

Nos últimos 12 meses, 2.107.619 postos de trabalho formais foram criados – uma expansão de 6,23% em relação aos 12 meses anteriores.

As informações do Caged indicam que dois setores da atividade econômica tiveram geração recorde de empregos em janeiro: serviços e extrativa mineral. Já comércio e administração pública tiveram queda – segundo o ministério, por razões sazonais.

Related posts