Lytron
My Partner
cultureholidays

HP revela tablet com jeitão de PC

HP revela o Slate 500, um tablet com jeitão de PC

A Hewlett-Packard finalmente revelou seu primeiro produto para o crescimento mercado de tablets. O Slate 500 rodará o Windows 7, da Microsoft, custará US$ 799 e será focado no mercado corporativo. O tablet da HP tem por objetivo reproduzir a experiência de um PC, em contraste com os produtos dos rivais, que trazem mais uma sensação de smartphone.

O aparelho terá tela de 8,9″ multi-toque, pesa 600 gramas, vem com 64 GB de memória, caneta Stylus e wi-fi (mas não 3G, uma desvantagem em relação ao iPad, Samsung Galaxy Tab e Streak, da Dell). A bateria dura até cinco horas.

Carol Hess-Nickels, diretora de marketing da HP, enfatizou o foco do produto no mercado corporativo. Ela espera que empresas de vendas, saúde e seguros, entre outras, criem aplicativos próprios que tirem vantagem da portabilidade do tablet.

– É como um PC completo, roda o Windows, terá programas do Office, mas vem em forma de tablet – justifica Hess-Nickels.

O Slate traz um processador Atom, da intel, normalmente encontrado em netbooks de baixo custo, enquanto os tablets rivais optaram pelos chips ARM, mais comuns em smartphones. Ele tem também duas câmeras, permitindo a realização de video-conferências, e uma porta USB.

O Slate está disponível online nos EUA e a HP vai vender o produto diretamente para empresas. O preço de US$ 799 coloca o tablet acima do valor da versão wi-fi do iPad, que custa entre US$ 499 e US$ 699. A Verizon já anunciou que venderá o Samsung Galaxy Tab por US$ 600, enquanto o Dell Streak sai por US$ 550.

A HP, maior fabricante de PCs do mundo, também planeja lançar outro tablet no ano que vem muito diferente do Slate. Esse segundo produto será baseado no sistema WebOS que a empresa adquiriu ao comprar a Palm no início do ano, por US$ 1,2 bilhão e provavelmente será mais ligado a reprodução de mídias para consumidores comuns.

A expectativa é que o mercado de tablets ultrapasse as 50 milhões de unidades no ano que vem, de acordo com a Gartner, com o iPad dominando o setor. A Apple já vendeu sete milhões de unidades de seu tablet desde abril.

O mercado ainda está evoluindo, mas a Apple focou seu iPad como um produto de consumo de mídia e não para empresas. A Research in Motion anunciou no início do mês um tablet de sete polegadas para o mercado corporativo. A Dell incluiu aplicativos para negócios em seu tablet e deve anunciar seu modelo de sete polegadas ainda este ano.

Share

Related posts